Bolsonaro decide deixar o PSL

4
Presidente Jair Bolsoaro, Sergio Moro, Hamilton Mouão, na posse do novo Procurador-geral da República, Augusto Aras disse que atuará com 'independência' e pautará gestão no diálogo Indicado por Bolsonaro e aprovado pelo Senado, Aras ficará no cargo por dois anos. Novo PGR é especializado nas áreas de direito público e direito econômico. Brasilia, 26-09-2019. Foto: Sérgio Lima/PODER 360

O presidente Jair Bolsonaro agendou uma reunião no Palácio do Planalto com deputados do PSL para informar que decidiu sair do partido. No encontro, marcado para a tarde desta terça-feira (12), ele também pretende comunicar sua intenção de formar uma nova legenda, cujo nome ainda não foi definido.

O deputado Eduardo Bolsonaro, líder do PSL na Câmara, não quis confirmar a informação durante entrevista na tarde desta segunda-feira (11). “Não sei se é isso o que ele vai fazer amanhã. Eu acho provável? Acho provável. O que tudo indica é que sim, mas a gente vai ver”, se limitou a dizer.

Eduardo afirmou que acompanhará seu pai caso ele realmente deixe o PSL. “Se ele for para a lua, eu vou com ele”, garantiu, endossando que outros parlamentares do partido devem fazer o mesmo. “Mas não é uma ditadura, quem quiser ficar no PSL, à vontade”, afirmou.