Sábado e domingo terão atividades do Parque Vivo no Botânico

1

O Parque do Botânico está com muito mais vida nos finais de semana! O projeto Parque Vivo tem agitado o espaço com as variadas atividades realizadas aos sábados e domingos. E este final de semana não será diferente: no sábado (10), serão duas atividades Escuta no Parque, às 9 horas; e roda de conversa sobre Nutrição, às 16 horas – e no domingo (11), tem também o Yoga Cerebral, com início às 10 horas. A programação é gratuita e aberta a todos interessados.

No sábado cedo, a partir das 9 horas, um grupo voluntário de psicólogos realiza “Escuta no Parque”, oferecendo acolhimento psicológico por meio de escuta clínica. Os objetivos da atividade visam oferecer um espaço de escuta, acolhimento e cuidado aberto, por meio de orientações psicológicas e, assim, promover o acesso dos participantes às informações, conhecimento e compreensão dos próprios dilemas, desmitificando assuntos ligados à saúde mental. A atividade segue até às 11 horas.

Depois, às 16 horas, será realizada uma roda de conversa tratando sobre Nutrição, com a participação das nutricionistas Carolina Carvalho de Oliveira e Caroline Sanita. Comemorando a Semana Mundial do Aleitamento Materno, as profissionais conduzem um bate papo sobre a importância da alimentação  para mamãe e bebê, além de abordarem a introdução alimentar e os hábitos saudáveis na infância.

No domingo o Parque Vivo realiza a atividade Yoga Cerebral, às 10 horas, no Parque do Botânico. O professor Jefferson Moreira Junior conta que Yoga Cerebral é um conjunto de exercícios desenvolvidos a partir de muitas pesquisas que trabalham principalmente o córtex e o hipocampo, cuja principal finalidade é de desenvolver a concentração e aumentar a frequência da atenção, tornando a memória poderosa e eficiente. Através de uma prática que envolve concentração, atenção e movimentos, são desenvolvidos exercícios de maneira lúdica e didática. Vale lembrar que o Yoga Cerebral desenvolve o alto controle emocional e previne contra a anosognosia (falha temporária de memória) e doenças neurodegenerativas tais como o Mal de Parkinson e Alzheimer. É solicitado que os participantes levem toalha ou canga.

O Parque Vivo foi criado por meio da iniciativa popular em fevereiro deste ano e vem apresentando atividades semanalmente. O projeto é formado por um grupo de voluntários, moradores de Araraquara, motivados em ocupar de forma útil e positiva os espaços verdes da cidade, tornando-os locais mais convidativos, dinâmicos e familiares.

Com apoio da Prefeitura e parceiros, as propostas do projeto incluem preservação do meio ambiente, manutenção e melhorias da infraestrutura, além de atividades de cultura, esporte e lazer. A programação pode ser acompanhada pelas páginas do Facebook (Parque Vivo-Araraquara/SP) e Instagram (@parquevivoararaquara), além do site da Prefeitura de Araraquara.

O Parque do Botânico está localizado na Rua Dr. Gennaro Granata, s/n°, no Jardim Botânico.