Proibição de animais no Bosque do Botânico é questionada na Câmara

55

Envolvida na causa animal, a vereadora Juliana Damus (Progressistas) questionou a proibição da entrada de animais no Centro de Esportes e Lazer Willian Bucalem, conhecido como Bosque do Botânico. A parlamentar encaminhou o Requerimento nº 1499/2019 à Prefeitura, no dia 23 de outubro, solicitando a base legal para a aplicação da medida.

Em resposta, o Executivo afirmou que a restrição segue uma medida administrativa, mas que estuda alterações nas regras de uso do local, estando aberto ao diálogo com a sociedade. Na verdade, a resposta não esclareceu, de fato, o questionamento da vereadora, que vai conversar diretamente com o prefeito sobre o assunto.

Academia ao ar livre

Em junho deste ano, Juliana também indicou melhorias para o parque, como a manutenção do asfalto e do playground, serviços que já foram atendidos. Além disso foram instalados os aparelhos da academia ao ar livre, com emenda parlamentar viabilizada pela vereadora Juliana Damus, em 2015.

“O Parque do Botânico sempre teve atenção por parte do nosso gabinete. Logo no início do mandato do prefeito Edinho Silva, nos reunimos no local para apresentar as diversas necessidades. Algumas foram atendidas. A academia foi instalada, com recursos que consegui, por meio de emenda parlamentar. Espero que a proibição de entrada de animais seja revista e, talvez, sejam criadas regras, para que as pessoas possam passear com seus animais”, afirmou Juliana Damus.