Legislativo participa do lançamento da Cooperativa de Agricultores de Araraquara

46

Agricultura familiar e cooperação. Com essas características, foi lançada oficialmente, na segunda-feira (19), a Cooperativa de Agricultores de Araraquara e Região (Coopersol), no Centro de Eventos de Araraquara e Região (CEAR). Os vereadores Toninho do Mel (PT) e Thainara Faria (PT) participaram da solenidade.

“Ninguém faz mais pelas nossas famílias que o agricultor. Vocês produzem nossos alimentos desde a fruta do café da manhã até o jantar. Parabéns pelo trabalho que desenvolvem”, frisou Toninho, que representou falou em nome do Legislativo.

A Coopersol permitirá aos associados participar das chamadas públicas e processos de compras, tanto do setor público, como do privado. A cooperativa já conta com 23 associados, que são os fundadores, das cidades de Araraquara, Matão, Motuca, São Carlos e Boa Esperança do Sul, que produzem banana abacaxi, abacate, goiaba, manga, alface, almeirão, couve, repolho, couve-flor, mandioca e beterraba.

Também podem se associar produtores de Gavião Peixoto, Nova Europa, Tabatinga, Ibitinga, Itápolis, Borborema, Dobrada, Taquaritinga, Américo Brasiliense, Rincão, Santa Lucia, Pradópolis Ibaté, Bocaina, Jaú, Descalvado e Ribeirão Bonito.

O presidente da Coopersol, Antônio Aparecido dos Santos, destacou o objetivo da cooperativa. “Fizemos essa formalização para organizar a produção e melhor atender o mercado consumidor. Aqui trouxemos uma amostra do que produzimos, com muita qualidade e bom preço. Nossa família abraça a família de vocês.”

A deputada Márcia Lia disse no evento que a Coopersol é um símbolo da luta e da resistência desses trabalhadores, e, a partir de agora, organizados em uma cooperativa, eles terão condições de vender e distribuir esses alimentos. “A Cooperativa de Agricultores Rurais de Araraquara e Região Morada do Sol (Coopersol) representa o fortalecimento da produção rural dos nossos assentados, assentadas e pequenos produtores rurais. É um ganho para a alimentação saudável, uma vez que são os trabalhadores rurais que colocam o alimento de qualidade na nossa mesa, produzido no nosso solo, com todo o cuidado, carinho e valorizando a riqueza da nossa terra.”