Cabo PM José Américo de Araújo recebe Título de Cidadão Araraquarense

55

Com o plenário da Câmara Municipal lotado de amigos e familiares, o Cabo da Polícia Militar José Américo de Araújo recebeu, na última sexta-feira (4), o Título de Cidadão Araraquarense. Sua dedicação ao trabalho, à cidade e ao Núcleo PMs de Cristo norteou a indicação feita pelo vereador Cabo Magal Verri (MDB).

“Você consegue que a palavra de Deus chegue dentro do quartel e ainda se destaca como pai, como marido e como policial. Para mim, é uma honra entregar este título”, disse Verri.

O comandante do 13º Batalhão da Polícia Militar do Interior, Tenente-Coronel Adalberto José Ferreira, reforçou a importância do trabalho de aconselhamento espiritual feito pelo policial e destacou outras qualidades: “É um profissional que presta um serviço de excelência, sempre com seriedade e comprometimento”, disse.

Emocionado, José Américo agradeceu ao público presente e à população de Araraquara. “Esta cidade me acolheu muito bem e me deu muitos amigos. Obrigado por fazerem parte da minha vida e por estar no PMs de Cristo, entidade que tem levado conforto aos policiais que estão precisando.”

A execução dos hinos nacional e municipal ficou a cargo da Banda Regimental do 13° BPM/I, regida pelo Maestro e 1° Sargento PM, Luiz Fabiano Ribeiro. A solenidade contou ainda com apresentação de louvores na voz do garoto Aiki Borges.

Sobre o homenageado

José Américo de Araújo nasceu em Anicuns, Goiás, em 1967. Trabalhou desde criança ao lado do pai e depois com o tio, vindo para Araraquara aos 20 anos de idade. Aqui trabalhou em diversas empresas até entrar para a Polícia Militar, em 1990. Após concluir o Curso Superior de Soldados, trabalhou nas cidades de Dobrada, Matão, Catanduva, São José do Rio Preto e Américo Brasiliense, retornando para Araraquara em 2014, para atuar no setor administrativo do 13º BPM/I, onde está até hoje.

Promovido a Cabo em 2014, recebeu 98 elogios individuais, três Láureas e ajudou na formação do Núcleo PMs de Cristo há três anos. Formado em Teologia pela Escola Teológica das Assembleias de Deus, hoje ele é presbítero da Assembleia de Deus do Belém e vice-líder dos PMs de Cristo. Casado com Fabíola Maria Teixeira de Araújo, é pai de Renan e Ester.