Venezuelano pede ajuda para arrumar um emprego no Centro de Araraquara

4

José Augusto Chrispm

A reportagem do jornal O Imparcial falou com o venezuelano Julian Andrés, de 31 anos, que chegou a Araraquara há menos de uma semana e pede ajuda nos semáforos da região central da cidade. Infelizmente, durante a entrevista Julian teve sua mochila contendo seus pertences e dinheiro, foi furtada.

Julian relatou à reportagem que chegou ao Brasil há poucos dias na tentativa de conseguir um emprego e trazer sua esposa e seus dois filhos de 4 e 7 anos. Segundo ele, depois de sair da Venezuela fugindo da difícil situação econômica de seu país, passou pelo Equador, Colômbia e Peru, antes de chegar ao Brasil onde desembarcou na cidade de Corumbá, passando por Campo Grande, São José do Rio Preto e Araçatuba, até chegar a Araraquara nesta semana.

“Eu estou viajando para conseguir encontrar um emprego para poder trazer minha família para cá. Se eu conseguir encontrar alguém que me dê uma oportunidade aqui em Araraquara fico por aqui mesmo. Na Venezuela  trabalhava na área de mecânica industrial, mas nos outros países por onde passei trabalhei em restaurantes como garçom e ajudante de cozinha. Ainda tenho dificuldade para falar o português, mas acho que praticando logo aprendo pelo menos o básico”, relatou o venezuelano.

Ação criminosa

Uma situação inusitada aconteceu enquanto Julian falava com a reportagem. Ele havia deixado sua mochila em cima de um muro próximo ao local e, ao final da entrevista, a mesma havia desaparecido.

“Na minha mochila estavam meus instrumentos de trabalho e o dinheiro que ganhei nos últimos dias. Peço para quem pegou minha mochila que me devolva por favor. Tudo que eu tinha de valor estava dentro dela”, pediu o rapaz.

Oportunidade

Julian pede para quem puder dar uma oportunidade de trabalho para ele pode encontrá-lo no período da tarde na esquina da Rua Gonçalves Dias (Rua 1) com a Avenida Feijó, no Centro. Ele não possui telefone para contato.