Toninho do Mel acha que ataques contra sua fala na Câmara têm cunho político

37

José Augusto Chrispim

O vereador Toninho do Mel (PT) procurou a reportagem do O Imparcial nessa segunda-feira (15) para esclarecer a polêmica criada em cima de sua fala na última sessão da Câmara Municipal de Araraquara, na terça-feira (9). Um vídeo onde o vereador fala algumas palavras de forma errada durante seu discurso sobre a comemoração do Dia Municipal da Obstetra e Obstetrícia, viralizou na internet.

O vídeo, que é uma animação idealizada por um estúdio profissional, satiriza a forma como o edil usa de forma errônea a língua portuguesa, quando fala da homenagem às profissionais da saúde.

Toninho assumiu à reportagem que cometeu os erros de português, mas, para ele, o vídeo tenta apenas desgastar sua imagem política e foi encomendado por algum grupo político da cidade contrário ao seu mandato. “A minha intenção foi de parabenizar a Gota de Leite e, principalmente, as profissionais obstetras. Se cometi algum erro em minha fala, peço desculpas, mas essa pessoa que postou esse vídeo na internet não atacou somente a mim, mas a toda classe trabalhadora que eu represento nos meus 1.894 eleitores e também todos os moradores da periferia da cidade que conhecem o meu trabalho. Isso foi feito apenas por maldade, por pessoas que têm inveja porque um morador da periferia, negro, com pouco estudo, chegou lá. E tem muita gente que não engole isso”, defendeu o petista.

Desafios

Toninho também disse que quando entrou na Câmara não foi para fugir dos desafios, mas para enfrenta-los. “A dificuldade na língua portuguesa nunca foi obstáculo para meu trabalho como vereador, isso é coisa de um grupo político que quer desgastar minha imagem, mas a população sabe do meu trabalho. Sempre enfrentei os desafios que me foram apresentados e não vai ser agora que vou fugir deles”, concluiu o vereador.