Rosana Coelho tem o trabalho social como missão de vida

“Quero trabalhar nas políticas públicas sociais e enfrentar com garra as desigualdades sociais”, diz a candidata a vereadora pelo Progressista

57

A professora Rosana Coelho (Progressista) está entre as mulheres que se dispuseram a disputar uma vaga no Legislativo araraquarense nas eleições 2020. Como presidente do FISA (Fundo das Instituições Sociais de Araraquara), Rosana desenvolve trabalhos sociais há 20 anos.

Conheça as propostas que a educadora quer colocar em prática, caso seja eleita vereadora no próximo dia 15 de novembro.

“Meu projeto para 2021, será de ajudar a transformar a realidade das pessoas que se encontram em alguma situação de vulnerabilidade.

Temos muitas entidades e instituições aqui em nossa cidade, onde precisam muito e contam com o apoio do município. Sabemos da grande demanda e essa união entre ambas, acaba fortalecendo muito essa relação.

Quero trabalhar nas políticas públicas sociais e enfrentar com garra as desigualdades sociais.

Quando me propus a aceitar o desafio de pleitear uma cadeira na Câmara Municipal de Araraquara, algumas pessoas poderiam pensar que estou querendo entrar na política para’ levar uma vantagem’. Sim. Sempre tive vantagem, mas para os outros. Quem me conhece sabe que nunca pedi algo para meu benefício e, sim, para alguém que me pedisse. É só procurar alguém que me conhece para falar da minha trajetória tanto de vida pessoal como profissional.

Nesses meus 20 anos de voluntária procurei servir ao próximo, sempre com carinho e dedicação.

Não prometo nada, apenas quero trabalhar em prol da população araraquarense. Farei o meu melhor.

Sim, quero estar na Câmara Municipal para procurar fazer o melhor pela nossa cidade”, detalhou a candidata.