Rede de Solidariedade distribui 4.674 cestas em quase 3 meses

Atendimento no CRAS Maria Luiza será retomado nesta quarta-feira (24)

28

O balanço divulgado pela Rede de Solidariedade nesta terça-feira (23) aponta que, de 25 de março, data da sua criação, até este dia 22 de junho, foram arrecadados 70.922 quilos de alimentos e entregues 4.674 cestas a famílias em vulnerabilidade social do município. Neste mesmo período, também foram doados 4.720 litros de leite.

A Rede de Solidariedade contabiliza ainda, até a última segunda-feira (22), a arrecadação de 19.081 itens de limpeza e higiene pessoal, destinados em 2.759 kits. Já em dinheiro, a conta corrente da Rede já arrecadou R$ 6.182. Já foram utilizados, desta conta, R$ 2.926,90; saldo atual é de R$ 3.255,10.

De acordo com Jacqueline Barbosa, secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, as 4.674 cestas foram distribuídas no território da Secretaria, que inclui a grande Vila Xavier, Quitandinha, Santa Angelina, Carmo e Santana; no CRAS Cruzeiro do Sul, que também está atendendo o público do CRAS Cecap durante o período de pandemia da Covid-19 que forçou a suspensão do atendimento em algumas unidades; além do CRAS São Rafael, que também está atendendo o público do CRAS Maria Luiza; e CRAS Yolanda Ópice, que neste período vem atendendo o público do Parque São Paulo.

“Além disso, desde o último dia 8 de junho também voltaram a atender os CRAS Hortênsias, Selmi Dei, Vale do Sol e Vale Verde. As cestas foram entregues por meio dessas unidades e também através do Fundo do Fundo Social de Solidariedade. E a partir de amanhã, dia 24 de junho, será retomado o atendimento no CRAS Maria Luiza”, informa a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social.

Jacqueline Barbosa enfatiza ainda que o balanço desta semana, que soma quase 4.7 mil cestas, inclui os 421 quilos de alimentos arrecadados durante a campanha de drive thru realizada no último final de semana pela Unicesumar, universidade com polo EAD em Araraquara. E, nesta segunda (22), outras 1.300 cestas foram doadas pela rede de supermercados Atacadão.

“E tivemos o apoio do ‘Dia D Doação’, realizado no último dia 13 de junho, com a participação de quase 40 entidades do município que arrecadaram 5.724 quilos de alimentos, mais 12 cestas básicas e 1.362 itens de higiene pessoal. Estas doações foram distribuídas a famílias em vulnerabilidade atendidas por instituições participantes da campanha, auxiliando bastante o atendimento da demanda da Rede de Solidariedade”, enfatiza ela.

Esta demanda também conta com os programas municipais de proteção social, incluindo o PMAIS, PIIS, Bolsa Cidadania, Apoiadores da Dengue e do Coronavírus e do Jovem Cidadão, além das cestas de alimentos estocáveis e kits de hortifrutigranjeiros da alimentação escolar, por iniciativa da Secretaria Municipal da Educação. Somente da Educação, já foram entregues 7.527 cestas de estocáveis e 2.886 kits de hortifrutigranjeiros.

As famílias que entram em contato com a Rede são atendidas mediante avaliação feita pelas equipes de assistência, que levam em conta a questão da ausência de renda ou se já são atendidos pelos programas sociais do município. A prioridade da Rede são os idosos, as pessoas com doenças crônicas e os desempregados.

A Rede de Solidariedade do Município funciona pelo telefone

0800-773-1145, que recebe ligações das 8h às 18h, todos os dias, inclusive nos finais de semana. A Prefeitura também possui duas contas correntes para doações da população.

Para as ações de combate do Coronavírus – Covid-19

Banco do Brasil

Agência – 0082-5

Conta corrente – 800 000 – x

CNPJ da Prefeitura (45.276.128.0001-10)

Para doações à Rede de Solidariedade Coronavírus – Covid-19

Banco do Brasil

Agência – 0082-5

Conta corrente – 800 001 – 8

CNPJ da Prefeitura (45.276.128.0001-10)