Moradores de CDHU de Américo cercam policiais para evitar prisão de suspeito

O rapaz estava armado com um revólver e foi necessário o apoio de outras viaturas da PM para prendê-lo

86

Policiais militares de Américo Brasiliense tiveram bastante trabalho para prender um rapaz, de 20 anos, no início da noite dessa quinta-feira (5), no Núcleo Habitacional do bairro São Judas. Moradores do condomínio popular tentaram evitar a detenção do morador que estava armado com um revólver calibre 32, municiado.

Segundo o apurado, a Polícia Militar recebeu uma informação sobre um morador do local que teve seu veículo apreendido pela polícia há algumas semanas e estaria inconformado. De acordo com a denúncia, ele estaria planejando atacar o policial militar que fez a apreensão de seu carro.

De posse das características do suspeito, os policiais fizeram buscas na região do condomínio e conseguiram localizá-lo sentado na calçada. O rapaz foi abordado e, durante a revista pessoal, foi encontrado em sua cintura um revólver municiado com cinco projéteis.

Foi dada voz de prisão ao rapaz que ofereceu resistência e teve que ser algemado antes de ser colocado na viatura. No momento em que os PMs se preparavam para deixar o local, cerca de 30 moradores cercaram a viatura na tentativa de evitar a prisão do acusado. Os policiais tiveram que sair rapidamente e seguiram para o batalhão da PM de Américo Brasiliense, onde solicitaram reforça policial para contar os moradores revoltados.

Em seguida, o acusado foi encaminhado para a Delegacia de Plantão de Araraquara sob escolta de várias viaturas. Ele foi indiciado pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e ficou à disposição da justiça. A arma foi apreendida.

Foto: Divulgação