Grupo VIVA precisa de doação de alimentos

103

Ariane Padovani

O Grupo VIVA (Voluntários Interdependentes Vivendo Amor) está precisando de doações de alimentos para poder continuar ajudando moradores em situação de rua com a entrega diária de marmitas. Cerca de 60 voluntários, divididos em grupos de preparo e entrega distribuem 60 marmitas todas as noites, totalizando 1.200 refeições ao mês para essas pessoas em vulnerabilidade social que não querem sair das ruas. Para isso, são utilizados 30 kg de carne por semana, proteína animal que a associação consegue através de doações e parcerias.

O VIVA está pedindo doações de qualquer quantidade de proteína animal, como carne vermelha, frango, peixe, linguiça e salsicha, desde que não contenha ossos. Quem quiser também pode colaborar com alimentos não perecíveis, como arroz, feijão, ervilha, lentilha, farinha de mandioca, farinha de milho, molho de tomate e afins.

De acordo com Henrique Santos, presidente eleito em outubro para uma gestão de três anos, o VIVA foi fundado por Sandra Tochio em 24 de junho de 2015. “Somos uma associação civil de direito privado, sem fins lucrativos, de duração por tempo indeterminado, de caráter beneficente e de promoção da assistência social. Nosso objetivo é atuar no amparo aos moradores de rua que se encontram em situação de vulnerabilidade social, fornecendo-lhes alimentação, produtos de higiene pessoal e roupas, complementando o trabalho da Assistência Social Municipal e Regional, com vistas à reinserção familiar e social. Atualmente trabalhamos com cinco grupos de voluntários que trabalham de segunda a sexta-feira para preparar a comida e entregar a moradores em situação de rua, além de grupos de processamento de alimentos recebidos, de campanhas de arrecadações e doações e de eventos”, explicou Henrique.

O VIVA tem parceria com a Liga de Assistência Cristo Rei (Casa da Criança), que cede diariamente a sua cozinha para o grupo produzir e embalar as marmitas, além de contar com o auxílio da Prefeitura, que doa legumes, cobertores e roupas. “Entregamos as marmitas de carro aos moradores em situação de rua cadastrados por nós. São mais de 70 pessoas em aproximadamente 30 lugares da cidade onde eles costumam passar a noite. Dependemos que empresas, escolas e associações, como Rotary, Lions e Fraternidade Feminina façam arrecadações para nos doarem. Estamos solicitando ao prefeito Edinho a doação de um terreno para construirmos nossa sede, que atualmente é na minha casa, e aumentarmos nossas atividades em 2020, mas fomos informados de que o município não têm imóvel construído para ceder ao nosso uso”, contou o presidente.

Amor & Dignidade

O grupo VIVA realiza três vezes ao ano o evento Amor & Dignidade, onde recebem os moradores em situação de rua para um café da manhã e oferecem os serviços de banho, corte de cabelo, massagem, Yoga, além de um delicioso almoço. O 11ª evento aconteceu no dia 21 de setembro com a presença do Bispo Diocesano Dom Paulo Cezar Costa, de São Carlos. Após o café da manhã foram distribuídos toalhas, kit de higiene para o banho, roupas, meias e calçado. O encontro terminou com um almoço e muitas sobremesas.

Doações

Quem quiser doar os alimentos pedidos pode levar sua contribuição na Sede Administrativa da associação que fica na Av. Carlos Batista Magalhães, 52, Vila Xavier.

Você também pode fazer uma doação em dinheiro:

Conta Corrente:

Banco 237 – Bradesco

Agência: 2836-3

Conta: 0026702-3

Associação Grupo Voluntários Interdependentes Vivendo Amor

CNPJ 26.823.025/0001-89

O VIVA também está precisando de associados e voluntários, quem estiver disposto a ajudar entre em contato com Henrique Santos pelo telefone (16) 99701-3939.

Conheça mais sobre o trabalho do Grupo Viva acessando a página deles no Facebook: @grupovivaararaquara (https://www.facebook.com/grupovivaararaquara/?epa=SEARCH_BOX)

 

Cerca de 60 voluntários distribuem 60 marmitas todas as noites para os moradores em situação de rua