Edinho ganha direito de resposta por fakenews divulgada por Coca

Informação baseada em inverdades foi divulgada durante a propaganda eleitoral gratuita

285
Em decis√£o divulgada nesta segunda-feira (19), o Tribunal Regional Eleitoral de S√£o Paulo concedeu direito de resposta ao prefeito Edinho Silva, candidato √† reelei√ß√£o pelo PT, ap√≥s uma informa√ß√£o caluniosa divulgada pelo candidato Antonio Cl√≥vis Pinto Ferraz, o Coca (PSL), durante a propaganda eleitoral gratuita da √ļltima sexta-feira (16).
A informa√ß√£o acusava o atual prefeito de Araraquara de superfaturamento nos servi√ßos de sinaliza√ß√£o horizontal e vertical de tr√Ęnsito. A a√ß√£o foi julgada pelo juiz eleitoral Marco Aur√©lio Bortolin, que decidiu que Edinho poder√° responder no hor√°rio de Coca durante 1 minuto e 53 segundos, mesmo tempo utilizado para o ataque.
“O silogismo tal como apresentado encerra uma afirma√ß√£o caluniosa. A informa√ß√£o de que h√° den√ļncias apresentadas a √≥rg√£os de controle, ou que h√° pre√ßos menores em munic√≠pios da regi√£o s√£o falas que n√£o obrigatoriamente autorizam um candidato a prejulgar outro com apontamento da pr√°tica do fato penalmente t√≠pico de superfaturamento”, diz um trecho do auto assinado por Bertolin.
“O mesmo fato poderia ser comunicado como cr√≠tica, mas desbordou para um campo de excesso, justamente porque quem dir√° se h√° ou n√£o ilicitude s√£o os √≥rg√£os de controle, e antes disso, n√£o podem assumir tal roupagem”, afirmou o juiz.
A resposta de Edinho no horário destinado a Coca será dada durante a Propaganda Eleitoral que irá ao ar nesta terça-feira (20), às 20h30, pelos canais Cultura Paulista, Record News e TV Morada.