Projeto voluntário capacita jovens para o mercado de trabalho no Selmi Dei

217

José Augusto Chrispim

 

Dar uma chance de uma vida melhor para jovens de 6 a 18 anos, através de cursos profissionalizantes e atividades esportivas. Essa é a ideia principal do grupo de voluntários que criou e mantém o projeto ‘Livres para Voar’, que atende crianças e jovens da região do Jardim Roberto Selmi Dei e adjacências.

De acordo com o organizador do projeto, o comerciante Isac Fernando Jardim, apesar de novo, o trabalho que teve início há cerca de 60 dias, já está funcionando com lista de espera. “Apesar do projeto Livres para Voar ter começado a funcionar em julho, desde 2015 eu e outros amigos que também são comerciantes aqui do Selmi Dei, sempre que podemos fazemos rifas e outros movimentos voluntários aqui no bairro. Mas agora estamos atendendo cerca de 200 jovens, entre os alunos dos 9 cursos desenvolvidos no projeto. Todos eles são ministrados de forma voluntária por profissionais de cada área que trazem seus próprios materiais de trabalho que são disponibilizados aos alunos de forma gratuita. O professor de manutenção de computadores atravessa a cidade com seu material de trabalho, que pesa mais de 10 quilos, dentro de uma mochila para que os alunos possam aprender na prática como se trabalha. Aqui nós temos aulas de manicure, cabeleireiro e barbeiro, elétrica e mecânica de carros e motocicletas, solda e pintura, manutenção de celular, tatuador, além das aulas de capoeira e muay thai. Todos os cursos são destinados a proporcionar iniciação profissionalizante aos estudantes e, aos trabalhadores, conhecimentos que lhes permitam se profissionalizar, qualificar-se e atualizar-se para o trabalho, com emissão de certificado de participação, considerando-se o aproveitamento do participante. De acordo com a Lei nº. 9394/96, o Decreto nº. 5.154/04 e a Deliberação CEE 14/97 (Indicação CEE 14/97), os cursos livres são uma modalidade de ensino legal e válida em todo o território nacional”, relata Isac.

 

Ampliação do projeto

A ideia dos voluntários do grupo é ampliar a atuação para outros bairros da cidade de Araraquara. “Hoje, a maioria dos nossos alunos é da região do Selmi Dei, mas temos alunos da Vila Xavier, Jardim Iguatemi e até do Parque São Paulo. A nossa vontade é de ver esse projeto em outros bairros para que esses alunos não tenham que se deslocar por grandes distâncias para participarem das aulas. Mas, para isso, precisamos do apoio do poder público. Hoje contamos com a ajuda dos voluntários do grupo para oferecer um lanche para os alunos antes do início das aulas, pois alguns vão para a aula sem se alimentar. Muitos conseguem comprar o uniforme para assistir às aulas, mas alguns não têm condições e, assim sendo, nós acabamos apadrinhando eles e nos prontificamos a comprar as camisetas”, destacou o organizador do grupo.

Seguindo o caminho certo

O projeto tem por objetivo, realizar e oferecer cursos de iniciação profissionalizante (livres) e gratuitos a quem se interessar aprender um ofício, priorizando-se adolescentes e jovens, em situação de risco e vulnerabilidade social, incluindo-se adultos, conforme a disponibilidade de vagas oferecidas semestralmente e mediante lista de espera. “A nossa principal intenção é evitar que esses jovens sigam um caminho errado na vida, como muitos que vemos todos os dias, infelizmente. Aqui ele vai ter oportunidade de aprender uma profissão que poderá lhe dar a oportunidade de conseguir um emprego ou, até mesmo, de montar seu próprio negócio. E os cursos são levados a sério por todos os envolvidos, por isso, muitas vezes, o professor repete uma explicação várias vezes até que todos tenham entendido. Daqui ninguém vai sair sem saber o que foi ensinado. O legal é ver os estudantes interessados nas aulas, prestando atenção nas explicações, dificilmente alguém falta. Além disso, temos uma pedagoga que auxilia nas dificuldades de aprendizado dos alunos, ela conversa bastante com eles sobre vários assuntos. Isso ajuda muito os meninos”, comemora.

 

Cursos

Atualmente 200 jovens de ambos os sexos, com idades entre 14 e 18 anos, estão matriculados nos cursos de tatuador, manicure, cabeleireiro e barbeiro, elétrica e mecânica de carros e motocicletas, soldador e pintor, manutenção de celular, entre outros.

Com carga horária mínima de 60 horas, os cursos são ministrados por duas horas, uma vez por semana, durante 6 meses, dividido em módulos, com 48 horas de aulas expositivas e 12 horas de aulas práticas nas empresas parceiras, sendo realizados de acordo com a demanda no mercado de trabalho e da sociedade conforme a disponibilidade de instrutores voluntários. Os aprendizes recebem apostila e uma camiseta uniforme do projeto.

Os cursos de iniciação profissionalizante do projeto Livres para Voar são oferecidos na sede da Associação dos Moradores do Bairro Jardim Roberto Selmi Dei, localizada na Rua Maria do Carmo Ferreira Granato, n° 77, setor V. Para maiores informações e inscrições nos cursos, os telefones para contato são: (16) 99634-6497 ou 99606-1269. Ou pela página do facebook: PROJETO LIVRES PARA VOAR – SELMI DEI E ADJACÊNCIAS

https://www.facebook.com/groups/321885528528342/

 

Grupo de profissionais

Os cursos são ministrados por profissionais de diversas áreas que trabalham de forma voluntária. Vejam quem são esses voluntários:

– Isac Fernando Jardim – Organizador

– Adriano Lucas Martins – Solda/Pintura

– Daniela Viana – Manicure/Pedicure

– Diego Martins – Manutenção de Computadores

– Kelvin – Tatuagem

– Mestre Nildão – Capoeira

– Flávio – Muay Thai

– Tico Ribeiro – Mecânica de Motocicletas

– Vinícius – Mecânica de Carros

– Cristiane Silva – Pedagoga

 

Festa do Dia das Crianças

Isac lembra que o grupo ‘Livres para Voar’ vai realizar um evento gratuito para as crianças no próximo dia 12 de outubro, na Avenida José dos Santos Seves (Av. 40), 892, no Jardim Anunciata Barbieri. A festa vai contar com brinquedos como cama elástica, piscina de bolinhas, além de doces em geral e máquina de algodão doce. Durante as festividades um grupo de dança e um de capoeira vão se apresentar e, no final, haverá também uma apresentação musical.

 

Ajuda

Os organizadores do evento estão fazendo uma rifa de um aparelho de vídeo game Xbox 360, para ajudar na compra dos doces e aluguel dos brinquedos para a festa. Isac pede para quem puder ajudar, pois eles também estão tentando arrecadar brinquedos que serão doados às crianças que participarem do evento, pode entrar em contato com ele no fone: (16) 996346497 ou com Daniele no fone: (16) 997708449.

“Nós estamos precisando de ajuda principalmente para oferecer um lanche para os alunos. Quem puder nos ajudar, seria muito importante para que nenhum aluno desista dos cursos que terão suas primeiras turmas formadas no final de fevereiro de 2020”, finalizou Isac.

Apresentação na Câmara Municipal

Em 1° de outubro, será realizada a apresentação do projeto Livres para Voar do Selmi Dei, na Tribuna Popular na Câmara Municipal de Araraquara, com a presença dos jovens aprendizes.

Na ocasião serão apresentadas as necessidades do grupo de voluntários para a realização do projeto. A intenção é chamar a atenção do poder público para a importância do projeto.