Prefeito e secretários vistoriam obras eleitas pelo Orçamento Participativo

51

O prefeito Edinho visitou durante esta sexta-feira (25) obras eleitas pela população nas plenárias do Orçamento Participativo, acompanhado de vereadores e secretários municipais.

Pela manhã, Edinho iniciou as visitas nas unidades de Educação construídas na região do Valle Verde: são três CERs (Centros de Educação e Recreação) e uma Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental). As obras são em parceria com a Caixa Econômica Federal e totalizam R$ 11 milhões de investimento.

“São aproximadamente 22 mil pessoas morando nesta região, que, infelizmente, vieram morar para cá e não havia equipamentos públicos. Estamos cumprindo aquilo que a população deliberou no OP, firmamos parceria com a Caixa Econômica Federal e estamos fazendo essas obras tão importante para esta região”, afirmou Edinho.

No Jardim América, Edinho vistoriou o CER Rosa Ribeiro Stringhetti, que passou por reforma e ampliação e está com as obras praticamente concluídas. “São R$ 654 mil de investimento. Mais vagas serão abertas para a população desta região, que cresceu muito”, informou o prefeito.

Na sequência, a equipe da Prefeitura visitou o CER Leonor Mendes de Barros, do Parque Infantil, no Centro. A unidade passa por total reforma estrutural, em investimento de R$ 696 mil. “É um prédio histórico. A primeira escola de educação infantil de Araraquara. Nós reformamos e recuperamos a característica original do prédio”, explicou Edinho.

Outra obra da Educação visitada foi o CER Carmelita Garcez I, no São José. A unidade recebe investimento de R$ 1,4 milhão em total revitalização. A obra encontra-se na fase de fundação. “É uma obra complexa, pois o prédio é histórico e tombado [preservado pelo patrimônio histórico]. Estamos duplicando o tamanho do CER, que terá quase 1 mil m²”, afirmou o prefeito.

As obras do OP na área da Educação foram acompanhadas pelas secretárias Clélia Mara dos Santos (Educação), Amanda Vizoná (Planejamento e Participação Popular), Anna Padilha (Obras e Serviços Públicos) e Sálua Kairuz (Desenvolvimento Urbano); pelo coordenador de Participação Popular, Alcindo Sabino; pelo coordenador de Serviços Públicos, Adilson César Porsani; e pela coordenadora de Articulação Institucional, Graça Pinoti.

 

Pronto-Socorro do Melhado

No período da tarde, Edinho vistoriou as obras do Pronto-Socorro do Melhado, que será reaberto no primeiro semestre de 2020 como uma unidade de retaguarda das UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), disponibilizando leitos hospitalares e estrutura de apoio e diagnóstico, com exames laboratoriais, ultrassom, tomografia, raio-x, endoscopia e colonoscopia.

“Em vez de ficarem nas UPAs aguardando diagnóstico, os pacientes virão para cá e sairão com o resultado. Se for necessário, vai para o hospital, e se não for necessário, irá para casa. A parte civil das obras está avançada, e agora começou a parte hidráulica. A reforma está indo muito bem”, disse Edinho.

Também eleita pelo Orçamento Participativo, na Plenária da Cidade, a obra na unidade do Melhado tem investimento R$ 8 milhões liberados pelo Ministério da Saúde em dois convênios: R$ 4 milhões devem ser utilizados para reformas, adequações e ampliações, além da construção dos leitos-dia, e outros R$ 4 milhões serão destinados para a compra de equipamentos para o retorno do centro de diagnóstico.

A visita no Melhado foi acompanhada pelos vereadores Edio Lopes (PT), Paulo Landim (PT), Thainara Faria (PT) e Toninho do Mel (PT); pelas secretárias Anna Padilha (Obras e Serviços Públicos), Amanda Vizoná (Planejamento e Participação Popular) e Priscila Luiz (Comunicação); pelo chefe de gabinete, Alan Silva; pelo coordenador de Participação Popular, Alcindo Sabino; pela coordenadora de Urgência e Emergência, Fernanda Rodrigues; pela coordenadora de Gestão da Secretaria de Saúde, Joice Nogueira; e pela coordenadora de Articulação Institucional, Graça Pinoti.