Novos integrantes do Comcriar tomam posse na Prefeitura

76
Os 40 novos integrantes do Comcriar tomaram posse nessa quarta-feira (26)

Os 40 novos integrantes do poder p√ļblico e da sociedade civil (20 titulares e 20 suplentes) eleitos para o Comcriar (Conselho Municipal dos Direitos da Crian√ßa e do Adolescente de Araraquara) tomaram posse na tarde dessa quarta-feira (26), em solenidade na Prefeitura. O mandato √© de 2 anos e a fun√ß√£o n√£o √© remunerada.

O conselho trabalha para assegurar o cumprimento dos direitos da crian√ßa e do adolescente em Araraquara, auxilia na formula√ß√£o de pol√≠ticas p√ļblicas relacionadas ao tema e √© o respons√°vel por arrecadar e gerenciar recursos financeiros destinados a entidades assistenciais que t√™m projetos em favor da inf√Ęncia e da adolesc√™ncia.

‚ÄúQuando nos acostumamos a ver crian√ßas vendendo balas e guardanapos, por exemplo, estamos acostumando nossos olhos √† falta de oportunidades e √† exclus√£o. O Comcriar √© muito importante e estrat√©gico, com papel de construir pol√≠ticas p√ļblicas para enfrentar o processo de exclus√£o e garantir os direitos das crian√ßas e adolescentes. A responsabilidade de n√£o convivermos mais com qualquer forma de viol√™ncia contra menores √© de todos n√≥s‚ÄĚ, afirmou o prefeito Edinho.

A secret√°ria de Assist√™ncia e Desenvolvimento Social, Jacqueline Barbosa, destacou que o Comcriar √© muito importante para o desenvolvimento de pol√≠ticas p√ļblicas. ‚ÄúEsse conselho tem a miss√£o de zelar pela crian√ßa e pelo adolescente do munic√≠pio. √Č uma luta di√°ria e repleta de desafios‚ÄĚ, disse.
Maria Jos√© Sc√°rdua, secret√°ria de Planejamento e Participa√ß√£o Popular, cumprimentou todos os novos integrantes do conselho e representantes de entidades. ‚ÄúQue n√≥s tenhamos muito trabalho e persist√™ncia para garantir os direitos da crian√ßa e do adolescente de Araraquara‚ÄĚ, pontuou.

Representando a C√Ęmara Municipal, a vereadora Thainara Faria (PT) lembrou que, muitas vezes, as crian√ßas e adolescentes n√£o t√™m voz para reclamar dos seus direitos. ‚ÄúTodos temos a responsabilidade de proteg√™-los e sensibilizar a sociedade sobre os direitos e deveres da crian√ßa e do adolescente. Tenho esperan√ßa de que o conselho continue lutando‚ÄĚ, afirmou.