Mosquito da dengue se reproduz com apenas duas gotas de água

21

Adriel Manente

Araraquara vive um surto de dengue na cidade, isso já é de conhecimento de todos. São 2.790 casos confirmados, sete mortes, sendo três confirmadas, fora os casos que não são confirmados. Porém, o que talvez muitos não saibam é que, o Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, é um ser bem resistente, que procria até mesmo em condições precárias. Mesmo apenas duas gotas de água é o suficiente para o mosquito que, reproduz até em água suja.

Segundo a bióloga Juliana Cordeiro, embora haja a possibilidade, felizmente ela é pequena. “As fêmeas do Aedes reproduzem em quantidades mínimas de água, limpa ou não, e duas gotas de água já seriam suficientes para isso acontecer, embora as chances sejam remotas, visto que essa quantidade é fácil de evaporar. Mas, se estiver parada essa quantidade em lugar que não evapore, já pode ser considerado criadouro”, explica a especialista.

De acordo com a médica da família, Dr. Ana Paula Urdiales, o risco é real, e é preciso ficar muito atento aos criadouros. “É importante dizer que qualquer água parada é foco para o mosquito. Então, a conscientização em primeiro lugar”, afirma.
Sabendo disso, a prefeitura têm feito semanalmente mutirões em diversos bairros da cidade em busca de possíveis criadouros do mosquito. Uma verdadeira força-tarefa, que vai de nebulização a fumacês ocorrem diariamente na cidade. Além disso, multas estão sendo aplicadas a quem mantiver focos do mosquito da dengue em suas propriedades. Elas podem variar de R$ 330,00 a R$ 22 mil.