Araraquara volta a receber voos comerciais

O voo inaugural aconteceu na manhã desta terça-feira (17), com partida de Viracopos, em Campinas, trazendo diversas autoridades

174

Após cinco anos, o Aeroporto Estadual “Bartholomeu de Gusmão”, em Araraquara, voltou a receber voos comerciais da Azul Linhas Aéreas. O voo inaugural aconteceu na manhã desta terça-feira (17), com partida de Viracopos, em Campinas, trazendo diversas autoridades, entre elas o prefeito Edinho Silva (PT) e o vice-presidente da Câmara, Edio Lopes (PT). A chegada em Araraquara, às 9h30, foi batizada com jatos de água.

Para o parlamentar, a expectativa é que a volta dos voos fomente o turismo regional e, principalmente o rural “que tem muito potencial e precisa ser desenvolvido”, disse. Inicialmente, os voos entre as duas cidades acontecem quatro vezes por semana, sempre às terças, quintas, sábados e domingos, com partida de Campinas para Araraquara às 9h30. As decolagens no caminho inverso acontecem às 10h45. Após a certificação do aeroporto para operações noturnas, os voos passarão a ser diários, com saída de Araraquara às 5h45 e retorno às 22h50.

O assessor da presidência da Azul, Ronaldo Veras, destacou que a empresa “não está ligando apenas Araraquara a Campinas, e sim toda a região a mais de 60 destinos no Brasil e fora do País.” Ele ainda apontou para os valores atraentes das tarifas, com opções a partir de R$ 50,00, sendo o valor médio estimado em R$ 180,00. “Viemos para ficar”, afirmou.

O retorno da Azul para a cidade integra o programa estadual “São Paulo para Todos”, que concedeu redução na alíquota do imposto sobre querosene de 25% para 12%, tendo como contrapartida o investimento das empresas aéreas no fomento da aviação no interior e no litoral do estado de São Paulo. Representando o secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Luís Sobrinho, traçou um paralelo entre a história do Brasil e o desenvolvimento dos meios de transporte, ressaltando que após os portos, as ferrovias e as rodovias, hoje, “os aeroportos são o centro de distribuição e desenvolvimento econômico de qualquer município do Brasil”.

Também participaram do evento os vereadores Edson Hel (Cidadania), Jéferson Yashuda (PSDB), José Carlos Porsani (PSDB), Paulo Landim (PT), Rafael de Angeli (PSDB), Roger Mendes (Progressistas), Toninho do Mel (PT) e Zé Luiz – Zé Macaco (Cidadania). O superintendente do Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp), Antônio de Oliveira Claret, e o secretário de Logística e Transportes do Estado de São Paulo, João Otaviano, foram representados pelo diretor de Operações Aeroportuárias, Álvaro Cardoso Júnior.

História

O Aeroporto Estadual de Araraquara foi inaugurado na década de 1930. Nos anos 1970, o local ganhou um terminal de passageiros e a pista foi pavimentada e ampliada pelo Daesp. O último período em que o aeroporto recebeu voos comerciais foi entre 2013 e 2014, também com viagens pela Azul Linhas Aéreas entre Araraquara e Campinas, após uma ampla reforma que expandiu o terminal de passageiros de 210 m2 para 1,6 mil m2.

A volta dos voos foi anunciada em abril, em evento no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, com a presença de autoridades locais. “Nunca achei normal que um aeroporto que recebeu tamanho investimento ficasse desativado. Há muitas capitais no Brasil que não têm esta estrutura”, disse o prefeito Edinho Silva, para quem o retorno dos voos presta um relevante serviço à comunidade, além de fomentar o desenvolvimento econômico e transformar Araraquara em um grande polo de investimento.