Araraquara tem 139 casos de dengue em 2020

No mesmo período de 2019 eram de 8 mil casos

71

Até agora foram confirmados 139 casos desde o início do ano. Esse número nem de perto lembra 2019 quando a cidade registrou mais de 23 mil pessoas doentes e 5 mortes, mas já é uma alerta uma vez que indica a circulação de mosquitos e principalmente dentro das casas.

Em janeiro foram 61 confirmações, 42 em fevereiro, 30 no mês de março e 6 casos até o dia 20 de abril. É um sinal importante de melhora nos números. Nos quatro primeiros meses do ano passado Araraquara já tinha mais de 8 mil doentes. Para dar conta de atender tanta gente o município chegou a abrir dois hospitais de campanha.

As equipes da Vigilância Epidemiológica seguem atuando em ações de bloqueio e nebulização nos locais em que há o registro de casos confirmados.

Preocupa nesse momento a região da Vila Harmonia, local em que nas últimas semanas apareceram mais focos e confirmações da doença.

De acordo com o coordenador de vigilância em Saúde, Rodrigo Contrera Ramos, os agentes seguem realizando trabalhos de bloqueio e nebulização nos locais onde são registrados casos suspeitos ou confirmados da doença.

A quarentena mudou a rotina das ações de prevenção. Os agentes trabalham com máscara, luvas, usam álcool gel constantemente e não entram mais em casas em que moram idosos com mais de 60 anos. Nesses casos as orientações são feitas por telefone ou pelo interfone. Em caso de necessidade os agentes fazem as orientações necessárias, mas sempre mantendo uma distância mínima dos moradores, de dois metros.