Araraquara registrou mais 39 casos de Coronavírus neste domingo (13)

Os órgãos fiscalizadores estão com suas ações intensificadas, cobrando o cumprimento do decreto municipal

89

Araraquara inicia mais uma semana na fase amarela do Plano São Paulo, instrumento que vem orientando o ritmo da retomada das atividades econômicas nos municípios paulistas.

A confirmação de fase foi feita pelo governo do Estado de São Paulo na última sexta-feira, quando também foram anunciadas mudanças de critérios para a reclassificação de fases dos municípios.

A partir desta semana, as alterações do Plano São Paulo para evolução de fase passarão a acontecer uma vez por mês. A regra anterior permitia que as mudanças fossem feitas a cada duas semanas para evolução de fase e semanalmente para o retrocesso.

Neste momento, com os 645 municípios paulistas na fase amarela, o governo estadual estabeleceu a necessidade de 28 dias de estabilidade dos indicadores para evolução à verde.

O retrocesso para a fase laranja não ocorrerá antes de 30 dias. Só haverá retorno de fase, a qualquer momento, se for constatada piora significativa dos indicadores e, neste caso, a região voltará direto para a fase vermelha.

Em Araraquara, entrou em vigor no último dia 10 de setembro, o decreto municipal que prorrogou a quarentena no município até o dia 31 de outubro, com ajustes e novas regras que devem ser cumpridas para o exercício das atividades econômicas e também por toda a população.

Os órgãos fiscalizadores estão com suas ações intensificadas, cobrando o cumprimento deste decreto.

 Situação Epidemiológica

Araraquara registrou mais 39 casos de Coronavírus neste domingo, 13 de setembro. Portanto, agora, são 3.662 casos confirmados na cidade.

Do total de confirmados, 163 permanecem em quarentena e 3.460 já saíram. Aguardam resultado de exames 243 amostras.

Hoje, 71 pacientes estão internados. Destes, 49 estão em enfermaria – 17 suspeitos e 32 confirmados. E 22 estão na UTI – 5 suspeitos e 17 confirmados.  Do total de 71 internados, 64 são moradores de Araraquara e 7 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Com relação às internações de todos os serviços hospitalares que disponibilizam leitos para Covid-19 (público e privado), a cidade conta hoje com uma taxa de ocupação de 50% de leitos de enfermaria e 39% de UTI.

Na Santa Casa de Araraquara, a taxa de ocupação de leitos para Covid-19 está em 80% na enfermaria e 80% na UTI. No HEAB, Hospital Estadual de Américo Brasiliense, que atende toda a região central, a taxa de ocupação de leitos é de 100% na enfermaria e de 90% na UTI. O Hospital de Campanha tem hoje 20 pacientes, 17 internados em enfermaria e 3 em UTI.

Foram notificados, até o momento, 39 óbitos decorrentes de Coronavírus. Mais dois óbitos foram registrados hoje, dia 13 de setembro: um homem de 46 anos, com comorbidades, que estava internado na rede privada da cidade e uma mulher de 77 anos, também com comorbidades, que estava internada na Santa Casa de Araraquara.

Todos os positivados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.

Os dados sobre os bairros com casos confirmados e o perfil dos positivados podem ser consultados em link disponibilizado pela Prefeitura, em parceria com o grupo Urbie, Grupo de Inovação e Extensão em Engenharia Urbana.