Araraquara registrou 12 mortes em agosto por Coronavírus

82

Araraquara registrou mais 38 casos de Coronavírus nesta quarta-feira (2). Portanto, agora, são 3.282 casos confirmados na cidade. Do total de confirmados, 251 permanecem em quarentena e 2.999 já saíram. Aguardam resultado de exames 100 amostras.

Hoje, 56 pacientes estão internados. Destes, 36 estão em enfermaria – 9 suspeitos e 27 confirmados. E 20 estão na UTI – 5 suspeitos e 15 confirmados. Do total de 56 internados, 43 são moradores de Araraquara e 13 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Com relação às internações de todos os serviços hospitalares que disponibilizam leitos para Covid-19 (público e privado), a cidade conta hoje com uma taxa de ocupação de 37% de leitos de enfermaria e 36% de UTI.

Na Santa Casa de Araraquara, a taxa de ocupação de leitos para Covid-19 está em 60% na enfermaria e 80% na UTI. No HEAB, Hospital Estadual de Américo Brasiliense, que atende toda a região central, a taxa de ocupação de leitos é de 100% na enfermaria e de 90% na UTI. O Hospital de Campanha tem hoje 16 pacientes.

Foram notificados, até o momento, 32 óbitos decorrentes de Coronavírus. O caso mais recente de óbito é de um homem de 66 anos, com comorbidades, que estava internado na rede particular.

Todos os positivados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.

 Atendimentos

A Secretaria Municipal da Saúde divulgou balanço de atendimentos prestados no município, referentes ao Coronavírus, até segunda-feira, dia 31 de agosto. São eles:

– Atendimentos no polo de triagem da UPA Vila Xavier: 22.086 pessoas

– Atendimentos na observação do polo da UPA Vila Xavier:  192 pessoas

– Pacientes internados no Hospital da Solidariedade: 298

– Atendimentos pelo Disque-Saúde: 3.564 ligações

– Pacientes acima de 65 anos com atendimento residencial: 330

– Exames realizados junto a Unesp: 13.663

– Exames realizados junto à Uniara: 9.335

– Teste antígeno – 1.791

– Atendimentos no telefone de Apoio Psicológico: 275