Junte teus versos, mesmo que nunca tenha escrito… E vá

110

Por Darcy Dantas

 

Vivemos em um mundo doente, obcecado pelo lucro, elegantemente chamado” ética do interesse”. Os sociopatas , ou sociopatías, escondem valores positivos e nos oferecem valores “pobres”, de maneira espetaculosa.

Essa sociedade capitalista, o que é pior, cada vez mais individualista, e que  por muitas vezes temos que  trilhar esse caminho,  mas tenhamos cuidado para não  tornarmos  essa postura como o norte de nossas vidas.

Cuidado para não alimentarmos preconceitos, quais sejam. Aceitemos as diferenças.

Não somos melhores que ninguém, e não deixem que acreditemos nisso, pois é uma das piores armadilhas que existem , o fato de se sentir melhor  de se sentir ou superior que alguém.

Acalente o “outro”, não desista do “outro”.

Como já disse, ouçam as pessoas mais velhas, elas tem muito a ensinar, mas não permitam que as pessoas mais velhas determinem  de forma “absoluta”, como devemos pensar, agir. Questionem sim, relativizem sempre, aceitem conselhos, nunca imposições.

Cultivemos pelo menos um amigo pelo resto de nossos dias,

Claro que há momentos em que nossos vidas terão falhas, tudo parece “dar errado , mas ai como diz a canção de Los Hermanos …Aponta pra fé e rema”

Se nada der certo …, deixemos por um tempo esse mundo maçante, cinza, limitado, racional em excesso e tentemos  torna-lo  vibrante, colorido, amplo, apaixonado.

Aceitemos então esse conselho …que não seja para o resto de nossos dias.

VÁ…

Junta teus versos,  mesmo que nunca tenha escrito, teus livro e tua musica preferida, tua jaqueta surrada …E vá.

Constrói um” mata burros”, onde o ódio e a intolerância não possam atravessar.

Deixa de lado as palavras vãs, chatas, iguais .

Elabore seu dicionário

Espalhe aroma do mato, cheiro da chuva,  lembranças da infância. Passado o tempo que tantas alegrias e tristezas nos trazem, voltemos, para seguir rumo ao norte .Talvez livre das  sociopatias que um dia abandonamos….

MAS… PAREMOS DE BUSCAR UM LUGAR ONDE A DOR E A DECEPÇÃO …NÃO REINE.