Característica do Ser Humano…ser Dependente

161

A principal característica do ser humano é a sua dependência  desde o momento em que nasce, até o momento em que se vai.

Dependemos de outras pessoas, que por sua vez, dependem de nós e com isso ao longo da vida construímos nossas relações. E como a vida é feita de momentos , bons e ruins, esse, sem dúvida, é um dos melhores pela qual passamos.

Muitas vezes exacerba em nós um sentido individualista, a preocupação com o “eu” e não com o “nós”.

Não nos  sobreponhamos à preocupação com o todo, com aquele,  que é nosso igual. Caros amigos, sem medo , busquemos a fraternidade.

Vivemos em uma sociedade que impõe, muitas vezes, essa condição.

Como disse anteriormente,  dependemos uns dos outros, os quais, por sua vez, dependem de nós. E isso, tenho certo, é a maravilha da vida. Essa dependência permite que , em algumas ocasiões, criemos laços , vínculos inseparáveis, indissolúveis, como as amizades moldadas e maturadas, ao longo de anos.

Deixemos dessa necessidade de querer que a razão seja sempre nossa. Ela não é.

A humanidade caminha na escuridão , sem perceber o quanto todos temos necessidade  do outro.

Ao invés, muitos assumem a tragédia do “outro” para descaradamente  usá-la para seus propósitos espúrios, para suas vinganças sórdidas, sem ao menos perceber que estão a usar a tristeza alheia nas suas psicopatias, na sua frieza. Pois quem usa tragédias para culpar, para  trazer mais tristeza, ao invés de respeito ,por puro prazer,  nem sabendo o que acontece , e com a maior frieza  , tem com certeza rastros  de psicopatia.

Temos sim o direito de ser contra ou a favor, ao que quer que seja, mas fazer de momentos dominados pela dor do “outro, e sem motivo, trazer sua nefasta e odiosa opinião, usando esse momento cruel para achar se foi “João”, que matou “José”, ou o contrário? Tenho pena de todos que assim o são.

Não se esqueçam aqueles que assim   agem. Você pode necessitar um dia como qualquer um de  nós , de alguém  que  naquele momento você  usou para suas zombarias.  Que se aproveitou  para desejar mais e mais que o mal de sua boca se alastrasse, usando a tragédia alheia para seu fanatismo.

Isso é tão pequeno, tão triste, tão raso.

Não se esqueçam que a lei de Deus é implacável. Vocês colherão o que plantaram.