Seis estradas vicinais de Araraquara serão revitalizadas pelo Governo do Estado

Melhorias integram o programa 'Novas Estradas Vicinais', lançado pelo estado nesta quarta-feira (5)

80

Seis estradas vicinais de Araraquara serão revitalizadas pelo Governo do Estado dentro do programa “Novas Estradas Vicinais”, lançado pelo governador João Doria (PSDB) nesta quarta-feira (5), no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

O prefeito Edinho esteve no evento junto com o secretário de Obras e Serviços Públicos, Sérgio Pelícolla, e o coordenador de Obras Públicas, Ernesto Velosa.

As seguintes vicinais terão asfalto recapeado: Abílio Augusto Corrêa (Araraquara/Guarapiranga), Dr. Nelson Barbieri (Araraquara/Gavião Peixoto), Syrthes de Lourenço (Bueno de Andrada/Motuca), a estrada entre Motuca e Matão (passando por trecho do Assentamento Monte Alegre pertencente a Araraquara) e a estrada que liga Araraquara à Usina Raízen, antiga Usina Zanin.

Além disso, também está prevista a pavimentação de uma estrada que ligará a Rodovia Antônio Machado Sant’Anna (SP-255), na região do Centro de Ressocialização Masculino, até a Rodovia Washington Luís (SP-310), passando pela antiga Estação do Ouro e pela região da “Descida do Chibarro”. Será uma nova ligação entre a SP-255 e a SP-310.

“Estamos voltando com ótimas notícias para Araraquara. Agradeço muito ao Governo do Estado, ao governador João Doria, ao DER [Departamento de Estradas e Rodagem], a nossa equipe e a todos que trabalharam para que Araraquara fosse contemplada”, afirmou Edinho em transmissão ao vivo pelo Facebook.

No evento, Edinho representou os prefeitos do estado e falou sobre a importância econômica da iniciativa do estado. “O programa vai recuperar as estradas vicinais, vai criar as condições para fazer a distribuição de alimentos e vai estimular a economia e a geração de empregos”, afirmou.

Segundo o Governo do Estado, as fases 1 e 2 do programa irão investir R$ 2,5 bilhões na recuperação de 3.000 km de estradas em todo o estado, gerando 3.000 empregos diretos. Ainda não há estimativa do valor dos investimentos nas obras em Araraquara.

“Esses investimentos são fundamentais para a agroindústria, para o escoamento de safras e da produção, bem como para a melhoria da segurança viária na locomoção de munícipes entre uma cidade e outra para utilizar o comércio, estudar, trabalhar”, avalia o secretário Sérgio Pelícolla.

Além do governador Doria, estiveram no evento o vice-governador, Rodrigo Garcia (DEM); o presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, Carlão Pignatari (PSDB); o secretário-chefe da Casa Civil, Cauê Macris; o secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi; o secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano; e o secretário estadual de Turismo, Vinícius Lummertz.