Professora do Instituto de Química de Araraquara é nomeada vice-reitora da Unesp

O governador João Doria endossou a escolha de Pasqual Barretti e Maysa para um mandato de 4 anos na Universidade

70

O governador João Doria (PSDB) nomeou o professor Pasqual Barretti e a professora Maysa Furlan, respectivamente, reitor e vice-reitora da Unesp para um mandato de quatro anos, a ser iniciado em janeiro de 2021. O decreto de nomeação foi publicado no sábado (5) no Diário Oficial do Estado de São Paulo e endossou o resultado da consulta pública feita à comunidade universitária em outubro de 2020, da qual saiu vencedora a chapa encabeçada pelos docentes.

Pasqual Barretti é médico nefrologista, administrador hospitalar e docente da Faculdade de Medicina (câmpus de Botucatu). Maysa Furlan é química, pesquisadora na área e docente do Instituto de Química (câmpus de Araraquara). Ambos se graduaram na Unesp e já dirigiram as unidades universitárias a que estão vinculados na Universidade.

A cerimônia de posse será em 14 de janeiro de 2021 e seus detalhes serão definidos de acordo com o cenário epidemiológico do mês que vem, seguindo as diretrizes estabelecidas no Plano São Paulo. Em função da pandemia de Covid-19, estão sendo avaliados alguns cenários para a realização do cerimonial. Nos cenários em que a cerimônia possa ser presencial ou híbrida, com número reduzido de pessoas, a posse deverá ocorrer na capital paulista, no Memorial da América Latina ou no próprio Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. O processo de transição será iniciado na próxima semana.

“Nós já estamos com a equipe preparada para a transição. Teremos quatro semanas para efetuá-la da melhor maneira possível, seguindo os princípios que regem a administração pública, em especial a ética e a transparência”, afirma o reitor Sandro Roberto Valentini, que deixa o cargo em janeiro.