Prefeitura de Araraquara desmente ‘fake news’ divulgado em programa da rede Joven Pan

Em nota, prefeitura ressalta que em Araraquara ninguém está comendo gato

292

Veja a nota da Prefeitura:

A Prefeitura de Araraquara vem a público manifestar repúdio sobre uma série de inverdades que vêm sendo divulgadas por setores políticos contrários à administração municipal e repercutidas pela imprensa também notoriamente partidarizada.
Primeiro, é preciso desmistificar a respeito do Decreto 12.600 de 17 de junho de 2021 que trata sobre as medidas mais restritivas adotadas em Araraquara no período de 20 a 27 de junho que visam salvar vidas. As altas taxas registradas no último período indicam reflexo em poucas semanas em UTIs e óbitos.
Em nenhum momento do decreto em vigor fala-se no não funcionamento do Ceagesp como trata o presidente da instituição em entrevistas. Ao contrário, abastecimento de alimentos (segurança alimentar) e transporte de mercadorias estão autorizados por se tratarem de serviços essenciais à vida humana. Portanto, ou foi má leitura e interpretação do texto do decreto ou apenas má fé mesmo por parte da direção máxima da Ceagesp.
Ademais, é importante dizer que há entre a Prefeitura de Araraquara e a diretoria local do Ceagesp um diálogo intenso. Portanto, a direção local, formada por servidores públicos de carreira e isenta de ações políticas, está completamente ciente sobre as parcerias estabelecidas e sobre a autorização para execução dos trabalhos tanto no primeiro lockdown como neste.
Com relação ao áudio apócrifo divulgado pela Rádio Jovem Pan, em entrevista com o mesmo presidente da Ceagesp na noite de ontem, a Prefeitura lamenta e reforça que trata-se de mais uma fakenews. Notícia mentirosa. Não há na cidade registro sobre essa questão ou mesmo algo semelhante. Ao contrário, Araraquara, desde 2017, vem investindo forte na política de assistência, segurança alimentar e combate à fome, além dos vários programas de combate ao desemprego e qualificação profissional como Jovem Cidadão, Frentes da Cidadania, PMAIS (Programa Municipal de Agricultura de Interesse Social) com distribuição de cestas de hortifrútis nos CRAS adquiridas da agricultura familiar, Apoiadores no Combate à Dengue e no Combate à Covid, Bolsa Cidadania, dentre muitos outros programas da nossa rede de Assistência.
No início da pandemia, a Prefeitura criou a Rede de Solidariedade, uma forma de fazer o elo de quem precisa de ajuda com quem pode ajudar, além de ampliar a compra de alimentos. Até hoje, só a Rede de Solidariedade já distribuiu 25.803 cestas de alimentos, além dos kits de higiene. Somando com as cestas de estocáveis e hortifrútis da Secretaria da Educação, são mais de 200 mil cestas/kits entregues de 2020 até agora em socorro às famílias durante a pandemia.
É lamentável o uso político da pandemia. São mais de 500 mil famílias enlutadas no país e, em vez de focar-se nas medidas, que segundo a ciência, “são remédios para este enfrentamento” – o distanciamento social e a vacina, se gasta tempo fazendo politicagem, criando fakenews e usando de instituições públicas para fazer disputa partidária, divulgando mentiras.
Prefeitura do Município de Araraquara