Posto de saúde do Jardim Paulistano realiza mais de 100 atendimentos de Covid-19

A Secretaria da Saúde decidiu estender o atendimento nessas unidades no período noturno

184

Desde a última segunda-feira (15), com o horário expandido até as 20h, o Centro Municipal de Saúde (CMS) Doutor Gennaro Granata, do Jardim Paulistano, realizou mais de 100 atendimentos de casos suspeitos de Covid-19 com sintomas respiratórios e também de pacientes já positivados que precisaram de reavaliação.

Esses casos são verificados a partir das 17h, após o expediente normal da unidade. O mesmo atendimento ocorre nos postos de saúde dos bairros Santa Angelina, Selmi Dei I, Melhado, Cecap e Jardim América.

A Secretaria da Saúde decidiu estender o atendimento nessas unidades no período noturno, com foco no atendimento de pacientes suspeitos do novo coronavírus, diante do aumento de casos de Covid-19 no município, aumento da taxa de internação e de óbitos.

Segundo a enfermeira Laura de Azevedo, que atua na unidade do Paulistano, os atendimentos de casos leves e suspeitos de Covid-19 incluem o teste feito por meio do swab (cotonete que é aplicado na região nasal e faríngea).

“Além do material coletado, nós também realizamos orientações preventivas sobre saúde”, ressaltou Laura. Os resultados dos testes ficam prontos em dois dias e a pessoa com exame positivo de Covid será comunicada para ficar em casa em quarentena.

Já em casos de sintomas gripais mais intensos, como tosse, febre e falta de ar, as pessoas devem procurar, imediatamente, a UPA da Vila Xavier, que é o polo de triagem para Covid-19 no município.

Isolamento social

Araraquara está classificada na fase vermelha do Plano São Paulo de combate à Covid-19 e contabiliza, desde o início da pandemia, 12.989 casos confirmados de infecção e 167 óbitos decorrentes de coronavírus.

Para conter o avanço do contágio, a Prefeitura decretou o fechamento de todas atividades não essenciais até o dia 1º de março, com objetivo de aumentar o isolamento social e diminuir o contágio da doença.