Pipas causam 272 interrupções de energia em 2021 na região de Araraquara

Araraquara está em 1º lugar entre as cidades com mais ocorrências na região

21

Todos os anos, durante o período de férias escolares – dezembro, janeiro e julho-, crianças, adolescentes e até adultos aproveitam para empinar pipas, mesmo com o isolamento social. Um levantamento realizado pela CPFL Paulista apontou uma queda de 14% nas interrupções causadas pela brincadeira nos primeiros sete meses do ano, comparado ao ano anterior. Em 2020, na região de São Carlos, foram 315 casos, contra 272 em 2021.

A queda nos números de interrupções causadas por pipas é resultado das ações da Campanha Guardião da Vida, que tem como objetivo levar conscientização dos riscos com a rede elétrica. No entanto, os resultados menores não deixam a companhia tranquila, o brinquedo segue entre as principais causas de perturbação do sistema elétrico, gerando transtornos e riscos à população.

Nas cidades atendidas pela CPFL Paulista, o estudo identificou uma queda de 9.8% de interrupções no fornecimento, causadas entre janeiro e julho de 2021, em relação ao mesmo período de 2020. Foram 3.242 registros neste ano, contra 3.566 do ano anterior.

A região de São Carlos segue a mesma tendência, registrando 272 interrupções por pipas em 2021 e 315 ocorrências em 2020.

Entre as 10 cidades com mais ocorrências, Araraquara lidera o ranking, seguida por São Carlos e Matão.

Segurança sempre

Por meio da campanha Guardião da Vida, a CPFL Paulista prioriza a segurança com a população e traz dicas de conscientização constantemente para evitar acidentes com a rede elétrica.

Como parte da campanha, em junho deste ano, a CPFL Energia convidou o público para um movimento que salva vidas com reforço de sete vídeos criados para chamar a atenção das pessoas para os perigos da rede elétrica. Os materiais podem ser compartilhados via app de mensagem e, além da população, os clientes podem aderir ao movimento baixando os materiais no site da companhia e passando as mensagens adiante.