Hortas Comunitárias recebem sistema de compostagem

Cooperativa Sol Nascente, formada com o apoio da Prefeitura, é a responsável pelo projeto

30

As duas hortas comunitárias do programa municipal “Colhendo Dignidade”, localizadas no Jardim São Rafael e no Residencial dos Oitis, passaram a contar com a parceria da Cooperativa Sol Nascente, que traz um importante aliado no cultivo dos hortifrútis, o sistema de compostagem.
A técnica consiste na transformação da matéria orgânica do lixo em adubo, contribuindo para o meio ambiente como um todo.
Por meio do projeto desenvolvido pela cooperativa, chamado de “Composteira do Bem”, as hortas receberão adubo de qualidade e a comunidade conhecerá os benefícios da compostagem, começado pela destinação correta dos resíduos orgânicos, diminuindo, com isso, o lixo que vai para o aterro e o impacto ambiental.
Através da iniciativa, os resíduos orgânicos gerados no entorno das hortas pela própria comunidade serão transformados em compostos utilizados para a adubação dos próprios espaços de cultivo, produzindo hortifrútis de excelente qualidade.
“É uma ação que conversa com o propósito da horta comunitária, que é trazer alimentos saudáveis cultivados de maneira saudável a partir de adubo orgânico. Para além disso, tanto a horta quanto a parceria com a cooperativa dialogam com o combate à fome e à pobreza”, explica a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Jacqueline Barbosa.
O Programa Municipal de Hortas Urbanas Comunitárias “Colhendo Dignidade”, criado pela Lei Municipal nº 9834 de 12 de dezembro de 2019, é uma ação intersetorial coordenada pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, por meio da Coordenadoria de Segurança Alimentar, em parceria com o Daae.
O objetivo principal é produzir hortifrútis, garantindo o acesso aos alimentos às pessoas integrantes dos projetos localizados em bairros com alto índice de vulnerabilidade social do município.
Toda a produção é orgânica e agroecológica, ou seja, sem a utilização de defensivos químicos, e o trabalho, além de garantir uma alimentação saudável, traz bem-estar psicológico proporcionado pelo manuseio da terra e o resgate da dignidade das pessoas, melhorando a qualidade de vida como um todo.
A horta do Residencial dos Oitis foi iniciada em julho deste ano, com a mobilização dos voluntários. A horta do São Rafael teve início em 2019.

Cooperativa
A Cooperativa Sol Nascente é o resultado da organização de um grupo de pessoas egressas do sistema carcerário que, devido às dificuldades na inserção no mercado formal de trabalho, se organizou em associação com o objetivo de realizar serviços nas áreas de resíduos sólidos, meio ambiente e paisagismo.
Fundada em maio deste ano, a Sol Nascente surgiu a partir do programa municipal “O Cooperativismo como Porta para o Futuro”, que ofereceu formação e capacitação técnica para a formação de cooperativas. Lançado em outubro de 2019, o projeto foi desenvolvido com o apoio da Coordenadoria do Trabalho e de Economia Criativa e Solidária.