Guarda Civil Municipal tem atuação fundamental no enfrentamento da pandemia

Fiscalização do cumprimento das regras sanitárias e suporte aos serviços de saúde estão entre as principais ações da GCM

112
Em 4 de fevereiro é comemorado o Dia do Guarda Municipal. A data integra o Calendário Oficial de Eventos do Município de Araraquara e foi instituída por meio da Lei nº 6064/03, de 28 de novembro de 2003. Criada em 2001, na primeira gestão do prefeito Edinho, a Guarda Civil Municipal (GCM) de Araraquara completa 20 anos em 2021 em meio a um dos maiores desafios já enfrentados pela corporação e pela sociedade como um todo: a pandemia de Covid-19.

Com um efetivo de 76 guardas, e prestes a receber mais 32 novos profissionais selecionados por concurso público, a GCM de Araraquara vem desempenhando um papel fundamental no enfrentamento ao coronavírus, segundo avaliação do secretário de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, coronel João Alberto Nogueira Júnior.

“A Guarda possui hoje um papel extremamente relevante na fiscalização do cumprimento das normas sanitárias em parceria com outros órgãos da Prefeitura, como o setor de Posturas e o Procon. A GCM tem atuado 24 horas na fiscalização do cumprimento das regras para que haja diminuição de aglomerações e, consequentemente, diminuição do número de ocupação de leitos”, explica o secretário.

A GCM também vem atuando no suporte aos serviços de saúde municipais, envolvidos diretamente no enfrentamento da Covid-19. “A Guarda está presente nas unidades de pronto atendimento, auxiliando funcionários da saúde no controle das pessoas que buscam atendimento”, ressalta o coronel João Alberto.

Paralelamente, os guardas municipais seguem encarregados das suas atribuições de origem, incluindo a preservação do patrimônio público do município e o reforço da segurança, realizada por meio da Central de Videomonitoramento, uma importante ferramenta para a elucidação de crimes e auxílio às polícias Militar e Civil.