Evento digital que celebra a Dança em Araraquara vai até sábado (1º)

Com cinco dias de programação, atividades trazem novos olhares para a dança com vídeos, aulas e espetáculos no YouTube da Prefeitura de Araraquara

13

A Secretaria Municipal da Cultura e Fundart realizam a programação digital que celebra o Dia Internacional da Dança que segue com atividades até o próximo dia 1º de maio no canal da Prefeitura de Araraquara no YouTube (www.youtube.com/prefeituradeararaquaraoficial).

Com diversas instituições da Dança de Araraquara, a programação celebra a data, trazendo novos olhares para a dança e também a valorizando enquanto linguagem artística, produção de conhecimento e campo de atuação profissional.

Neste ano, por conta da pandemia, a celebração acontece pelos canais virtuais com uma programação composta por vídeos, aulas e espetáculos on-line, em que a comemoração se alia ao convite de participar e se pensar a dança – inclusive a fim de estimular o desenvolvimento de novas políticas públicas para essa arte.

Compõem a programação as seguintes instituições: Prefeitura Municipal de Araraquara, Secretaria Municipal de Cultura e FUNDART, Secretaria Municipal de Educação, Escola Municipal de Dança Iracema Nogueira, Oficinas Culturais do Município de Araraquara, Conselho Municipal de Cultura, RADAR – Rede das Academias de Dança de Araraquara e Região, artistas e companhias convidadas.

Vale lembrar que o Dia Internacional da Dança foi instituído pela UNESCO em 1982, tratando-se então de uma data comemorativa historicamente nova, mas de indiscutível importância. Em Araraquara, as comemorações do Dia Internacional da Dança já somam quase duas décadas, sempre reunindo um grande público de dança, profissionais, estudantes e artistas convidados.

Programação

A abertura do programa nessa terça-feira (27) contou com o vídeo institucional dos alunos da Escola Municipal de Dança Iracema Nogueira em homenagem ao bailarino e coreógrafo Ismael Ivo, falecido no início deste mês. O bailarino que atuou por mais de três décadas na Europa, em 2017 assumiu a direção do Balé da Cidade de São Paulo. O vídeo, realizado em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, tem edição de Inaiá Braghini.

Nesta quarta-feira (28), a programação transmite a mesa de debates da 8ª edição da “Semana da Dança” na Assembleia Legislativa da Bahia, com o tema “Travessia em tempos sombrios – como a Dança segue criando?”. O evento será transmitido a partir das 15 horas apresentando convidados, de várias partes do país, discutindo questões relacionadas à Dança, assim como políticas públicas para a Cultura. O prefeito Edinho Silva abordará a forma como vem lidando com a condução da Cultura nesse processo de crise sanitária instaurada no último ano. Com uma abordagem ampla, o encontro irá debater sobre os tempos atuais, as dificuldades e os desafios enfrentados e as perspectivas para continuar dançando.

Quinta (29), diversas academias de Dança da cidade estão na programação. As apresentações têm início às 13 horas com: Art Dance, Escola de Dança Renata Crespi, Núcleo de Dança Renata Pestana, projeto Adote os Bailarinos, Studio Juliana Oyakawa e Talento Academia de Dança.

Na sexta (30) tem a mesa “Processos de Criação em Dança”, com Daniela Amoroso e Denny Neves, com mediação Luzinete Silva, às 19h30. Depois, às 21 horas, é a vez do espetáculo “Mungangas, Pantinhos e Malassombros -um espetáculo de Dança (Ter)Remoto”, com o Grupo de Dança Contemporânea da UFBA (Universidade Federal da Bahia) Arreia. A produção filmocoreográfica do espetáculo é uma atitude política de resistência artístico-cultural, em tempos de pandemia do Covid-19 e que busca, dentre outras questões, apontar que as danças populares, atualmente se diferenciam do conceito de folclore, reivindicando uma reflexão crítica sobre processos monorreferenciais de formação em Dança no Brasil.

Fechando as atividades, no sábado (01 de maio), às 16 horas, tem Oficina de Dança Contemporânea com Miriam Druwe (São Paulo), com mediação de Elaine Piovani. A proposta da oficina é o estudo dos movimentos e a sua expansão no tempo e no espaço através de sequencias básicas contendo princípios de deslocamentos, queda e recuperação, fluxo, eixo, peso, giros, rolamentos e saltos. A programação é gratuita e aberta a todos interessados.