Estudantes fazem Ato Pró-Vacina e Educação em Araraquara

145
Um outdoor colocado na entrada da cidade contra o presidente Bolsonaro foi destruído por simpatizantes do governo inconformados
Representantes da União Estadual dos Estudantes (UEE) fizeram uma manifestação na manhã desta terça-feira (30), no Pontilhão da Barroso. Uma faixa preta com os dizeres em branco: “Vida, Pão, Vacina e Educação” foi pendurada na grade do viaduto.
O protesto está sendo realizado em várias cidades do país e tem o objetivo de destacar o que mais importa nesse momento de pandemia fora de controle e preços cada vez mais altos para coisas básicas do dia a dia. Para os participantes da manifestação, o nome da campanha faz alusão a política do governo Bolsonaro que faz com que essas coisas sejam muito mais difíceis. Já são mais de 300 mil mortos por coronavírus e a política do governo atrasa a compra das vacinas. Isso faz com que as pessoas percam o emprego e também que os preços não parem de subir. O auxílio emergencial aprovado é irrisório. O povo é obrigado a ficar em casa por conta da pandemia e precisa começar a escolher entre morrer de fome e morrer de Covid-19. Outra pauta do protesto são os cortes da Educação e da Saúde, que são autorizados pelo governo e são extremamente importantes para a geração de emprego e para o desenvolvimento de vacinas.
Outdoor da discórdia
Em várias cidades do país manifestantes espalharam outdoors críticos ao governo. Em Araraquara, um foi colocado na entrada da cidade chamando o presidente de “genocida”. Ele foi destruído por apoiadores do governo, inconformados.