Escolinhas de Skate agitam a Praça Scalamandré Sobrinho

As aulas são realizadas às quartas-feiras e sextas-feiras, no período da manhã, a partir das 9h, e no período da tarde, com início às 14h

21

Com inscrições no local da prática com o professor e aulas gratuitas, a Escolinha de Esporte, modalidade skate, se tornou uma atração a mais na Praça Scalamandré Sobrinho, na Vila Ferroviária, com o movimento de alunos, mães, pais e frequentadores em geral com segurança sanitária como o uso de máscara.

Há três anos no programa Escolinhas de Esportes, da Prefeitura de Araraquara, o professor da modalidade Bruno Rafael Confronieri reforça que o skate promove a inclusão social e a integração dos alunos.

“Com as Olimpíadas de Tóquio, o pessoal acabou se identificando mais com a modalidade e nossas turmas abrigam os iniciantes e também os que já andam com o skate e ainda não fazem manobras. Todos são bem-vindos e vamos promover a inclusão de meninas e meninos e formar uma grande família”, explica Bruno.

As aulas são realizadas às quartas-feiras e sextas-feiras, no período da manhã, a partir das 9h, e no período da tarde, com início às 14h. É necessário que o aluno, dos 06 aos 16 anos, tenha capacete, tênis, proteção dos joelhos e o skate.

Pais torcedores

Sérgio Henrique Tedeschi matriculou o filho Augusto, que completou 6 anos, no domingo (29) e acompanha as aulas de perto e já sentiu avanços nas primeiras aulas. “O Augusto é ‘raçudo’ e já desce a rampa. Apesar de iniciante ele vai muito bem no skate” conta o pai entusiasmado.

Também torcendo pelo desempenho do filho Luigi, a mãe Thaís relata que além do skate, Luigi gosta de circo. “Já é a segunda semana de aulas e ele fica contando as horas para pegar o skate e vir praticar”.