“Em apenas cinco meses, Secretaria do Meio Ambiente já apresenta bons resultados”, diz Boi

Volta da secretaria foi uma reivindicação do partido do presidente da Câmara

23

O presidente da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Aluisio Boi (MDB), se reuniu com o secretário do Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Carlos Porsani, em seu gabinete, para tratar de vários assuntos de interesse da população, relacionados a essa pasta.

Na composição do governo e de uma aproximação maior, o MDB reivindicou a volta da secretaria para alavancar projetos que precisavam de um maior respaldo. “Nós agradecemos ao prefeito a reimplantação dessa secretaria tão importante, e hoje, com o Porsani, estamos discutindo os primeiros cinco meses de trabalho e seus avanços. Ele trouxe as demandas mais urgentes e a maior necessidade de momento, que são veículos para viabilizar a execução dos serviços”, disse Boi.

Como presidente do MDB, Boi se comprometeu a buscar uma Emenda Parlamentar (EP) com o deputado federal Baleia Rossi, presidente do seu partido, que estará em Araraquara no final do mês de maio. “Já tenho uma conversa inicial com o deputado nesse sentido e vamos aproveitar essa visita para acertarmos os últimos detalhes da emenda”, ratificou Boi. O parlamentar também colocou a Câmara à disposição da Secretaria do Meio Ambiente, no que for de sua competência, para dinamizar as atividades.

A volta da secretaria, em meia a uma pandemia, quando os recursos públicos estão voltados, em grande parte, para a saúde, fez com que Porsani buscasse alternativas. Ele está viabilizando os projetos através de parcerias com empresas para plantio de árvores, adoção de praças e rotatórias e vários outros sem custos para o poder público. Isso fortalece a secretaria, mesmo sem recursos da prefeitura.

“Há a expectativa de retomada da economia, para que a cidade consiga recuperar o Selo Verde Azul, que auxilia na elaboração e execução de políticas públicas do setor e na liberação de recursos do Fundo Estadual de Controle da Poluição”, disse Boi, que foi informado de ações, como catalogação de 272 mananciais de Araraquara, que será transformada em material gráfico educativo, entregue às crianças, com o objetivo de conscientização sobre a importância da conservação.

Outra novidade é, para breve, a entrega do Parque do Basalto, que está passando por reformas, para que a população possa desfrutar de uma das reservas ecológicas mais importantes da cidade. A Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade está com ações de retirada de árvores condenadas e replantio, nas Avenidas Luis Alberto, Bento de Abreu e Padre Francisco Salles Culturato (36). Também haverá o plantio de muitas árvores a partir do projeto “Nasce uma criança, planta-se uma árvore”, de 2020, de autoria do então vereador José Carlos Porsani. “Para cada criança que nasceu, desde setembro do ano passado, quando foi aprovada a lei, plantaremos uma muda. Contabilizadas até o fim de 2020 são 1.276; os nascimentos desse ano ainda serão passados pelos cartórios, mas, a princípio, alcançaremos 1.500 árvores, tudo sem custo”, lembrou o secretário.

“Acredito que fizemos bem em reivindicar a volta da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade, pois os benefícios para a cidade são inquestionáveis, e é o que conseguimos constatar nessa reunião com o Porsani, que demonstrou o quanto já foi feito em apenas cinco meses. As perspectivas são muito boas”, enfatizou Boi.