Edinho pede apoio ao Governo do Estado para ampliação de leitos Covid na região

Prefeito de Araraquara esteve reunido com o governador João Doria (PSDB) e secretários estaduais nesta sexta-feira (26), em São Paulo

54

O prefeito Edinho esteve em São Paulo nesta sexta-feira (26) e pediu apoio do Governo do Estado para a ampliação de leitos para Covid-19 na nossa região. Ele participou de reunião com o governador João Doria (PSDB) e com secretários estaduais no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista.

Edinho solicitou que o Governo do Estado abra mais 10 leitos de enfermaria e mais 10 leitos de UTI no HEAB, além de 14 leitos de enfermaria no Hospital Nestor Goulart Reis — ambos os hospitais ficam em Américo Brasiliense, mas atendem toda a região.

“Apresentei a situação da nossa região, que já é conhecida, e o nosso esforço para superar essa fase difícil da pandemia. E pedi aquilo que é mais urgente neste momento, além da aceleração da vacinação: a abertura de novos leitos”, explicou o prefeito em transmissão ao vivo.

O Governo de São Paulo já havia autorizado para Araraquara a abertura de 70 leitos. Desses, 40 de enfermaria estão funcionando no Pronto-Socorro do Melhado e 10 de UTI começam a ser utilizados neste sábado (27) no Hospital da Solidariedade, o hospital de campanha. Outros 20 serão instalados na próxima semana — 10 de UTI e 10 de enfermaria, também no hospital de campanha.

“Mostrei ao governador Doria, ao secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, e ao secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, que, mesmo com esse esforço de abertura dos novos leitos, ainda será insuficiente nas próximas semanas. O governador se mostrou sensível aos nossos pleitos e, na mesma hora, pediu aos secretários cuidarem desse tema pessoalmente para que seja atendido”, revelou.

“Nós vamos continuar trabalhando, incansavelmente, para criar o isolamento social necessário para conter o processo de contaminação e para ampliar a estrutura de atendimento dos pacientes contaminados. Vamos todos trabalhar, unidos, para salvar vidas e vencer a pandemia”, concluiu Edinho.

Segundo o boletim do Comitê de Contingência do Coronavírus desta sexta-feira, Araraquara possui em sua rede pública e privada 247 pacientes internados com a Covid-19, sendo 175 em enfermaria e 72 em UTI. A taxa de ocupação é de 100% em UTI e 99% em enfermaria.