Duas mulheres morrem em decorrência da Covid-19 em Araraquara nesta quinta-feira (20)

Novo decreto municipal intensifica as medidas de testagem e de rastreio de comunicantes que tiveram contato com pessoas positivadas, como forma de controlar a evolução da pandemia da Covid-19 em Araraquara

111

Araraquara registrou nesta quinta-feira mais 100 casos positivos de Coronavírus, o equivalente a 10% de 955 amostras analisadas nos serviços públicos e privados de saúde e nos setores econômicos e sociais do município, ou seja, sintomáticos e também assintomáticos testados na busca ativa. Considerando apenas os sintomáticos que procuraram os serviços de saúde, esse percentual sobe para 14% de 689 amostras.

Portanto, agora são 20.353 casos em Araraquara.

Do total de confirmados, 571 permanecem em quarentena e 19.353 já saíram. Aguardam resultado de exames 796 amostras.

Em relação às testagens realizadas nos setores econômicos e sociais do município, foram aplicados no dia 19 de maio, 266 testes, em 11 estabelecimentos, sendo 2 positivados, em estabelecimentos do setor de serviços.

Hoje, 191 pacientes estão internados. Destes, 102 estão em enfermaria – 8 suspeitos e 94 confirmados. E 89 estão na UTI – 2 suspeitos e 87 confirmados.

Com relação às internações nos serviços hospitalares que disponibilizam leitos para Covid-19 (públicos e privados), a cidade conta hoje com uma taxa de ocupação de 61% de leitos de enfermaria e 93% de UTI.

Hoje, a Santa Casa de Araraquara tem 18 pacientes internados com Covid-19, o Hospital São Paulo tem 42 pacientes, o Hospital São Francisco tem 26 pacientes, o Hospital de Campanha tem 46 pacientes, o HEAB (Hospital Estadual de Américo Brasiliense tem 42 pacientes e a Unidade de Retaguarda do Melhado tem 17 pacientes.

Do total de 191 internados, 94 são moradores de Araraquara e 97 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade, sendo que 46 estão em Enfermaria e 51 estão em UTI.

Os 97 pacientes de outros municípios residem em Américo Brasiliense (12), Araras (1), Barra Bonita (1), Batatais (1), Boa Esperança do Sul (5), Borborema (4), Capivari (2), Carapicuíba (1), Catanduva (1), Cerquilho (1), Dourado (3), Gavião Peixoto (5), Guarapiranga (1), Ibaté (4), Ibitinga (4), Itápolis (9), Jardinópolis (3), Leme (1), Limeira (1), Matão (1), Piracicaba (3), Pontaporã (1), Porto Ferreira (2), Ribeirão Bonito (2), Rincão (3), Santa Adélia (1), Santa Albertina (1), Santa Cruz das Palmeiras (1), Santa Lucia (2), São Carlos (16), Tabatinga (3), Tambaú (1).

Araraquara registrou, até o momento, 429 óbitos decorrentes de Covid-19. Os 2 óbitos registrados nas últimas 24 horas são:

Mulher de 57 anos, com comorbidades, internada em hospital da rede pública desde o dia 18 de abril.

Mulher de 67 anos, com comorbidades, internada em hospital da rede pública desde o dia 9 de maio.

Todos os positivados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.

Novo decreto

A Prefeitura Municipal publicou hoje, nos Atos Oficiais, o decreto municipal no 12.579, de 19 de maio de maio de 2021, que intensifica as medidas de testagem e de rastreio de comunicantes que tiveram contato com pessoas positivadas, como forma de controlar a evolução da pandemia da Covid-19 em Araraquara, com o estabelecimento de novas regras e ações de controle da doença.

O documento prevê mudanças nas medidas sanitárias que serão adotadas nos estabelecimentos comerciais e sociais durante a busca ativa de assintomáticos e nas ações de controle da taxa de positividade constatada neste rastreamento. A manutenção das atividades econômicas também fica condicionada a taxas de positividade de casos assintomáticos e de casos sintomáticos.

As novas medidas seguem orientação de diversos especialistas em saúde pública, como é o caso de representantes da OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde), órgão vinculado à OMS (Organização Mundial da Saúde), que estiveram neste mês em Araraquara e se reuniram com o prefeito Edinho e a equipe deste Comitê de Contingência do Coronavírus.

O novo decreto municipal, que começa a vigorar na próxima segunda-feira, dia 24 de maio, e pode ser conferido na íntegra no site da Prefeitura, reafirma o pacto social firmado no início da flexibilização das atividades econômicas. O objetivo é evitar que a doença saia de controle, obrigando o município a retroceder a adotar medidas de restrições.

É fundamental que toda a população continue participando dessa batalha contra a Covid-19, mantendo as medidas sanitárias de distanciamento social, higienização constante das mãos e o uso correto de máscaras nos ambientes públicos.

Decreto municipal no 12.579, de 19 de maio de maio de 2021

http://www.araraquara.sp.gov.br/noticias/2021/maio/19/decreto-no-12-579-de-19-de-maio-de-2021