Covid-19: vacinação de pessoas de 25 a 22 anos ou mais com comorbidades, e de gestantes e puérperas, sem comorbidade, a partir de 18 anos prossegue

Encerrando a semana, amanhã começa a vacinação de pessoas de 21 a 18 anos ou mais, com comorbidade

40

A Secretaria Municipal de Saúde dá prosseguimento da vacinação contra Covid-19 no município. Hoje teve início a vacinação das pessoas de 25 a 22 anos ou mais com comorbidades, e de gestantes e puérperas, sem comorbidade, a partir de 18 anos. E amanhã, encerrando a semana, começa a vacinação de pessoas de 21 a 18 anos ou mais, com comorbidade.

No ato da imunização das pessoas com comorbidades, que está ocorrendo em qualquer um dos seis pontos de vacinação, devem ser apresentados relatório médico dos últimos três meses de tratamento. Também é preciso apresentar RG, CPF e comprovante de endereço atualizado.

No caso das grávidas, é preciso apresentar a carteirinha de gestante e uma declaração do médico atestando que ela pode tomar a vacina, além dos documentos pessoais. Já no caso das puérperas, também além dos documentos pessoais, elas devem apresentar a declaração do médico e a certidão de nascimento do recém-nascido.

Grávidas e puérperas estão sendo vacinadas na unidade da Vila Xavier, drive-thru do CEAR e no drive-thru do Sesc.

E também continua a imunização dos profissionais da educação de 45 e 46 anos, mediante apresentação do QR Code fornecido após cadastro no site VacinaJá (https://vacinaja.sp.gov.br/), do Governo do Estado de São Paulo; das pessoas com autismo maiores de 18 anos, mediante apresentação de carteirinha ou atestado médico; dos aeroviários; de motoristas e cobradores do transporte coletivo, pessoas com síndrome de Down com 18 anos ou mais; pessoas com deficiência permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) com 18 anos ou mais, transplantados e pessoas com HIV.

No site da Prefeitura e no material divulgado nas redes sociais, estão as informações completas sobre os pontos de vacinação de cada um dos grupos, quais documentos devem ser apresentados e a relação de comorbidades incluídas como prioritárias.

Prosseguem ainda a aplicação de primeira dose em idosos acima de 60 anos, em qualquer um dos seis pontos de vacinação.

E os idosos que estavam esperando para tomar a segunda dose da vacina Coronavac podem procurar o drive-thru do Cear e a unidade de saúde da Vila Xavier.

O cronograma municipal é definido pela Comissão de Organização da Vacinação contra a Covid-19, que segue os planos de imunização dos governos estadual e federal, com base nas remessas de doses de vacina entregues à Secretaria Municipal de Saúde pelo Departamento Regional de Saúde (DRS – Araraquara), órgão do Governo do Estado de São Paulo.

Araraquara já aplicou, até o momento, 108.103 doses, sendo 70.154 da primeira dose e 37.949 da segunda dose.