Covid-19: Uber anuncia medidas para apoiar vacinação no Brasil

Iniciativas em parceria com governos e ONG visam a promover informações sobre a vacinação e o deslocamento até postos de atendimento

60
A Uber está atuando em três frentes para promover a vacinação no Brasil:

• Doação de códigos promocionais para pessoas nos grupos prioritários poderem se deslocar aos locais de vacinação;
• Apoio às autoridades de saúde para promover informações corretas e úteis sobre as vacinas e os programas de vacinação;
• Parceria com o terceiro setor para custear o deslocamento de quem mais precisa até os centros de vacinação.

Para materializar esse apoio, a Uber já fechou acordos para doar viagens à Prefeitura Municipal de Belo Horizonte e ao Governo do Estado de Pernambuco e segue em conversas com outras capitais, como Rio de Janeiro, Porto Alegre e Salvador, entre outras, a fim de apoiar a vacinação de profissionais de saúde e outros grupos prioritários contra a Covid-19.

A empresa vai fornecer códigos promocionais para apoiar o deslocamento dos grupos prioritários, de acordo com o cronograma estabelecido por cada governo. Cada código promocional dará viagens gratuitas de ida e volta aos locais de vacinação, no valor máximo de R$ 30. O código precisa ser adicionado no aplicativo da Uber antes das viagens (instruções no final do texto).

“Queremos garantir que a mobilidade não seja mais um obstáculo para quem quer se vacinar”, diz a diretora-geral da Uber no Brasil, Claudia Woods. “Por isso, além de apoiar os governos, estamos também apoiando a Central Única das Favelas (Cufa) para permitir que as pessoas mais vulneráveis tenham uma opção de mobilidade para chegar aos locais de vacinação. Neste momento, nossa parceria com eles é para identificar idosos que estejam nos grupos prioritários para que possamos oferecer as viagens”.

Para Celso Athayde, fundador e coordenador geral da Cufa, “as favelas são um espaço que foi negligenciado, onde as pessoas estão por ali por falta de alternativa, e onde tudo já é mais difícil mesmo em tempos normais – que dirá em uma época desafiadora como a que vivemos. Por isso, são fundamentais iniciativas como essa da Uber, que buscam facilitar o acesso à vacina do morador da favela que está nos grupos de risco”.

A Uber também apoiará o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) para promover informação de qualidade sobre as vacinas e os programas de vacinação para toda a comunidade de mais de 22 milhões de usuários e 1 milhão de parceiros do aplicativo. Todos receberão, por meio do app da Uber, pílulas de informação e dicas produzidas pelo Conass sobre as vacinas.

“Esta é uma iniciativa socialmente relevante porque teremos a oportunidade de colocar em poucas palavras informações precisas sobre a segurança e eficácia das vacinas, bem como a importância da vacinação para interromper o contágio da Covid-19”, avaliou o presidente do Conass, Carlos Lula. Ele afirmou ainda que, as mensagens produzidas pelo Conselho estarão alinhadas à orientação e informação do Programa Nacional de Imunização (PNI). “O PNI é um patrimônio do povo brasileiro e um dos mais sólidos e sérios do mundo, sendo assim. entendemos que a nossa população deve ser contemplada com informações seguras e técnicas, tanto quanto o combate às fake news”, concluiu.

Esse pacote de medidas faz parte do compromisso anunciado pelo CEO da Uber, Dara Khosrowshahi, de fornecer em todo o mundo 10 milhões de viagens gratuitas ou com descontos para ajudar a assegurar que a mobilidade não seja uma barreira para se tomar a vacina.

Veja como ativar o código de desconto:

• Abra o aplicativo e selecione o menu (três linhas verticais no canto superior esquerdo)
• Entrar no item “Wallet” e rolar até a parte de baixo
• Em “Promoções”, selecionar a opção “Adicionar código promocional” (Não vai funcionar como “voucher”)
• Digite o código fornecido

Resposta à pandemia – A medida vem somar a uma série de anúncios que a Uber tem feito para enfrentamento à pandemia desde o ano passado, entre as quais podemos destacar:
• Uso obrigatório de máscaras: o uso de máscaras se tornou obrigatório para todos que dirigem ou utilizam o aplicativo da Uber durante a pandemia. Com isso, todos os motoristas parceiros e usuários precisam passar por um checklist diariamente confirmando que estão tomando as precauções devidas, como o uso de máscara, utilização do banco traseiro do carro, janelas abertas para ventilação, além da higienização. E também introduzimos uma ferramenta para identificar o uso de máscaras por meio de uma selfie.
• UberMedics: na cidade de São Paulo, em parceria com o Itaú Unibanco, oferecemos 200 mil viagens para profissionais de saúde do município que estão atuando na linha de frente do combate à COVID-19. No Rio de Janeiro, foram oferecidas 12 mil viagens em parceria com o Movimento União Rio. Esses profissionais podem fazer viagens pela plataforma da Uber quando a origem ou o destino for um dos centros de saúde da cidade.
• Doação de sangue: custeamos viagens de doadores que queiram se deslocar para bancos de sangue, iniciativa que já atendeu mais de 20 municípios de todas as regiões do país.
• Cestas básicas: em parceria com a CUFA – Central Única das Favelas, lançamos uma campanha para doação de cestas básicas e kits de higiene a comunidades vulneráveis afetadas pelo coronavírus usando o aplicativo Uber Eats.
• Pesquisa de plasma: no Rio de Janeiro, fizemos uma parceria com o Hemorio, o hemocentro coordenador do Estado do Rio de Janeiro, para oferecer viagens a pessoas curadas de coronavírus que queiram doar o plasma do sangue para pesquisa de combate ao vírus.
• Assistência financeira: o motorista ou entregador parceiro diagnosticado com Covid-19 ou que fizer parte do grupo de risco pode solicitar assistência por até 14 dias mediante apresentação de atestado médico solicitando seu isolamento.
• Centro de Higienização: inauguramos Centros de Higienização da Uber voltado a motoristas e entregadores parceiros em dez capitais. O centro permite que em um único local os parceiros façam limpeza dos veículos e das mochilas de entrega com nanotecnologia, retirem kits com itens de proteção e higiene (máscara, luvas e desinfetante) e instalem divisórias de PET para proteção adicional nos carros.
Suprimentos de limpeza: parceiros podem solicitar reembolso para itens como álcool em gel e máscaras.
• Vale Saúde: uma parceria com o Vale Saúde Sempre oferece para todos os nossos parceiros descontos em consultas médicas em rede de atendimento privada e mais de 3.000 tipos de exames laboratoriais e de imagens. Não será cobrada anuidade dos parceiros para acesso a esse programa, que sem a parceria teria um custo de R$ 358,80 por ano.
• Telemedicina: os mais de 1 milhão de motoristas e entregadores parceiros da Uber no Brasil têm a opção de utilizar o serviço de orientação médica online do Hospital Israelita Albert Einstein. Chamado de Einstein Conecta, o serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, com orientações por videoconferência, permitindo conforto e agilidade no atendimento com acesso à excelência médica proporcionada por um dos principais hospitais do País – uma conveniência que ganha ainda mais relevância em tempos de coronavírus.
• Suporte a restaurantes: anunciamos esforços para apoiar o setor de restaurantes, oferecendo gratuidade na taxa de entrega para pedidos feitos a milhares de pequenos e médios restaurantes parceiros independentes do Brasil. Além disso, todos os restaurantes cadastrados na plataforma também estão isentos da taxa de retirada quando os usuários fazem um pedido pelo aplicativo e optam por buscar a refeição pessoalmente. Também lançamos um novo programa para que restaurantes parceiros pequenos e independentes, em mercados específicos, recebam os pagamentos diariamente durante esse período.