Covid-19: Coletores de lixo podem entrar em greve por vacina em Araraquara

Em nota, a Prefeitura disse que entende a situação dos profissionais, mas que segue estritamente o que prevê o Plano Nacional de Imunização e o Plano Estadual de Imunização

86

Na noite desta sexta-feira (11), um grupo de coletores de lixo de Araraquara ameaçou entrar em greve. Eles querem que a categoria passe a fazer parte do grupo prioritário para a vacinação contra a Covid-19.

Os profissionais alegam que também estão na linha de frente, por isso, esperam ser vacinados imediatamente.

Nota da Prefeitura

A Prefeitura de Araraquara entende os riscos que correm os trabalhadores da coleta e reciclagem dos resíduos sólidos e entende que são categorias prioritárias, mas há autonomia municipal para essa priorização. A Prefeitura esclarece que o andamento da vacinação contra a Covid-19 no município segue estritamente o que prevê o PNI (Plano Nacional de Imunização) e o PEI (Plano Estadual de Imunização), tendo como base as remessas de doses de vacinas que chegam na cidade.

Até a tarde desta sexta-feira (11), 110.297 doses de vacinas contra o coronavírus foram aplicadas em Araraquara, sendo 72.268 pessoas que tomaram pelo menos a primeira dose (30,32% da população) e, dessas, 38.029 pessoas já tomaram também a segunda dose (15,95%) e completaram o ciclo de imunização.

A Prefeitura entende a necessidade de vacinação rápida de toda a população para o controle da pandemia da Covid-19 e aguarda a chegada de mais doses de vacinas, remetidas pelo Ministério da Saúde e pelo Governo do Estado, para a ampliação das faixas etárias e categorias profissionais abrangidas pela imunização.

Foto: Ilustrativa