Cachorro é alvejado com tiro de espingarda

Agressor alegou que o animal teria entrado em seu sítio para agredir sua cadela

111

Um cachorro foi alvejado com um tiro de espingarda nesse sábado (4), em um sítio na área rural de Ibitinga. O agressor foi preso.

Segundo o apurado, durante a Operação Feriado da Independência, uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Ibitinga recebeu a denúncia de uma médica veterinária de Itápolis, que estava atendendo um cão que havia sido alvejado por disparo de arma de fogo. O animal estaria sendo liberado ao seu dono que iria informar quem era o autor do disparo.

Segundo a Polícia Militar, na clínica veterinária, foi feito contato com o proprietário do cão que conduziu a equipe até o local do fato onde o autor do disparo foi localizado. Ele confirmou ter realizado o disparo e apresentou a espingarda marca Boito, calibre .28, com uma munição deflagrada. O homem alegou que praticou o ato pelo fato do cão ter ido até seu sítio para agredir sua cachorra.

Diante desta ilegalidade no artigo 29 da Resolução SIMA n° 05/2021, foi lavrado em nome do autor o Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 3 mil concomitantemente o autor foi apresentado na delegacia onde foi ratificada a voz de prisão em flagrante juntamente pelo crime de Posse irregular de arma de fogo e pelo artigo 32 da lei 9605/98 (maus tratos), onde permaneceu a disposição da autoridade policial. A arma foi apreendida pela Delegacia de Polícia Civil de Ibitinga.

O cão não corre risco de perder a vida.

Foto: Divulgação/PM