Araraquara registra mais 5 mortes em um dia por coronavírus

Com mais 111 casos confirmados nesta quinta-feira (4), cidade tem 121 pacientes internados com Covid-19

425

O Comitê de Contingência do Coronavírus Araraquara, instituído por decreto municipal, vem a público nesta quarta-feira (4), para novas deliberações sobre as medidas de combate à transmissão da Covid-19.

Araraquara registrou nesta quinta-feira, dia 4 de fevereiro, mais 111 casos positivos de Coronavírus, o equivalente a 42% de 263 amostras analisadas.

Portanto, agora são 10.794 casos em Araraquara. Do total de confirmados, 457 permanecem em quarentena e 10.211 já saíram. Aguardam resultado de exames 217 amostras.

Hoje, 121 pacientes estão internados. Destes, 85 estão em enfermaria – 7 suspeitos e 78 confirmados. E 36 estão na UTI – 1 suspeito e 35 confirmados. Do total de 121 internados, 86 são moradores de Araraquara e 35 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Com relação às internações nos serviços hospitalares que disponibilizam leitos para Covid-19 (públicos e privados), a cidade conta hoje com uma taxa de ocupação de 87% de leitos de enfermaria e 64% de UTI.

 Hoje, a Santa Casa de Araraquara tem 20 pacientes internados com Covid-19 e o Hospital de Campanha tem 37 pacientes.

Foram notificados, até o momento, 126 óbitos decorrentes de Coronavírus.

Os óbitos mais recentes são:

– Mulher, 67 anos, com comorbidades, internada em hospital público desde 25 de janeiro.

– Mulher, 93 anos, com comorbidades, internada em hospital público desde 1 de fevereiro.

– Mulher, 63 anos, com comorbidades, internada em hospital privado desde 30 de janeiro.

– Mulher, 57 anos, sem comorbidades, internada em hospital público  desde 24 de janeiro.

– Homem, 61 anos, sem comorbidades, que buscou atendimento, em estado grave, em unidade pública na noite de  3 de fevereiro.

Um óbito suspeito que estava sendo investigado foi descartado.

Todos os positivados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.