Araraquara participa da 19ª Semana Nacional dos Museus

Semana apresenta o tema “O futuro dos museus: recuperar e reimaginar”, programação digital em Araraquara acontece de 20 a 23 de maio

23

Os museus de Araraquara participam da Semana Nacional dos Museus, realizada pelo Ibram – Instituto Brasileiro de Museus. Em sua 19ª edição, o evento traz uma programação digital local que se estende de 20 a 23 de maio, em uma realização do Ibram juntamente com a Prefeitura de Araraquara, por meio da Coordenadoria de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara.

Vale destacar que o Dia Internacional dos Museus é celebrado no dia 18 de maio e que o tema desta edição – “O futuro dos museus: recuperar e reimaginar” – atende a uma demanda do ICOM (International Council of Museum) e seu braço brasileiro, o comitê ICOM Brasil.

“O exercício de pensar e discutir os museus é sempre bem-vindo, sobretudo por se tratar de uma área subvalorizada dentro do contexto das políticas públicas brasileiras e no contexto atual é ainda mais importante, pois as condições impostas pela pandemia aceleraram a necessidade de adaptarmos a relação das comunidades e dos usuários com estes espaços depositários da memória. É um desafio que está posto, do qual Araraquara não se abstém. Fica, portanto, o nosso convite para que todos os interessados participem e acompanhem a Semana”, apontou a secretária municipal da Cultura, Teresa Telarolli.

O coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara, Weber Anselmo Fonseca, acredita “ser fundamental discutir as questões inerentes a Museus, bem como todo o contexto no que diz respeito a Patrimônio Cultural, especialmente neste tempo de pandemia que estamos vivendo em que as instituições culturais ficaram fechadas ao público por um longo período, e a reabertura está sendo feita de forma gradual.”

Weber lembra que “o objetivo da nossa programação é pensar o museu como instituição a partir da perspectiva do tema proposto, mas também estreitar laços com a comunidade local e interessados no universo museológico, dialogando sobre nossos museus, bem como conceitos sobre patrimônio cultural, ampliando para um assunto vigente em nosso cotidiano na coordenadoria, memória e patrimônio intangível.”

Além disso, a programação neste ano ultrapassa os limites do município. “O fato deste ano a programação apresentar uma versão digital se tornou uma oportunidade de ampliarmos este debate sobre os museus e patrimônio de Araraquara para novas fronteiras, uma conexão em rede com este diálogo que está presente em museus de todo o Brasil. E Araraquara estará nesta rede”, comemorou Weber.

Importante lembrar que Araraquara possui cinco museus municipais: Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria, Museu Ferroviário Francisco Aureliano de Araújo, Museu do Futebol e dos Esportes de Araraquara, MAPA – Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara e Museu da Imagem e do Som Maestro José Tescari.

Programação – Os encontros virtuais serão realizados, em Araraquara, de 20 a 23 de maio, sem necessidade de inscrição prévia.  A abertura no dia 20 (quinta-feira) tem início às 19 horas com a participação da secretária municipal da Cultura, Teresa Telarolli, e de Weber Fonseca. Na sequência, às 19h30, o tema “Museu na História/História no Museu: o futuro está presente” será apresentado por Virginia de Gobbi, museóloga do Museu Histórico Voluntários da Pátria, e Deborah Neves, historiadora da UPPH – Unidade de Preservação do Patrimônio Histórico. A atividade será mediada por Weber Fonseca, que também fará a mediação das outras atividades propostas pela Semana.

No dia 21 (sexta-feira), às 19 horas, a abordagem é sobre “Patrimônio Arquitetônico e Urbanismo – conceitos e importância”, com a participação de Alessandra de Lima, gerente de Documentação Histórica, Museus, Biblioteca e Acervos das Secretaria Municipal de Cultura, e Joel Venceslau de Oliveira Jr., gestor de Projeto na Coordenadoria de Habitação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano.

“Pegadas no MAPA: de dentro pra fora/de fora pra dentro” é a atividade do dia 22 (sábado), a partir das 16 horas, com a participação de: Débora de Souza Simões, pesquisadora da Fundação Araporã; Natália Carvalho de Oliveira Checchi, secretária geral da Fundação Araporã e Josiane Kunzler, pesquisadora consultora individual da UNESCO, Projeto Museu Nacional Vive e coordenadora do Grupo de Estudos em Museologia e Patrimônio (GEMP) da Fundação Araporã (Araraquara).

Fechando a programação da Semana Nacional dos Museus em Araraquara, no dia 23 (domingo), às 16 horas, a bailarina e docente da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia, Daniela Amoroso, e também o professor do curso de Arquitetura e Urbanismo do Senai-Cimatec, Yan Graco Dantas Cafezeiro, trazem à tona o tema “Museu na rua, corpos livres, memória pública e popular”.

A programação é gratuita e aberta a todos os interessados, com a hashtag #SemanaMuseus2021 marcando as atividades relacionadas ao evento. Mais informações podem ser obtidas pelo email: patrimoniohistorico@araraquara.sp.gov.br.

19ª Semana Nacional dos Museus – Araraquara:

  • 20/05 (quinta-feira)

– 19h: “Abertura”, com Teresa Telarolli (Secretária Municipal de Cultura) e Weber Anselmo Fonseca (Coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico)

Link de acesso: https://youtu.be/RPHpz6n7cwo

– 19h30: “Museu na História/História no Museu: o futuro está presente”, com: Virginia de Gobbi (Bacharel em Ciências Sociais pela Unesp e Museóloga do Museu Histórico Voluntários da Pátria) e Deborah Neves (Doutora em História e historiadora da UPPH – Unidade de Preservação do Patrimônio Histórico); medição de Weber Anselmo Fonseca (Coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara)

Link de acesso: https://youtu.be/uc7b-rDN_Mk

  • 21/05 (sexta-feira)

– 19h: “Patrimônio Arquitetônico e Urbanismo – conceitos e importância”, com: Alessandra de Lima (Arquiteta e Urbanista, Mestre em Engenharia Urbana, Planejamento e Projetos Urbanos, Gerente de Documentação Histórica, Museus, Biblioteca e Acervos das Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara) e Joel Venceslau de Oliveira Jr. (Arquiteto e Urbanista, Professor Universitário e Gestor de Projeto na Coordenadoria de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura de Araraquara); medição de Weber Anselmo Fonseca (Coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara)

Link de acesso: https://youtu.be/gWgh2lseOSs

  • 22/05 (sábado)

– 16h: “Pegadas no MAPA: de dentro pra fora/de fora pra dentro”, com: Débora de Souza Simões (Mestre em Ciências Sociais. Desenvolve estudo na área de memória, história local, museus e identidade. Pesquisadora da Fundação Araporã), Natália Carvalho de Oliveira Checchi (Mestre em Ciencias Sociais, Secretária Geral da Fundação Araporã) e Josiane Kunzler  (Bióloga, mestre em Geologia (linha de Paleontologia) pela UFRJ, com pesquisa no Museu Nacional/UFRJ, e doutora em Museologia e Patrimônio pela UNIRIO/MAST, com doutorado Museu Nacional de História Natural e da Ciência, da Universidade de Lisboa, pesquisadora consultora individual da UNESCO, Projeto Museu Nacional Vive e coordenadora do Grupo de Estudos em Museologia e Patrimônio (GEMP) da Fundação Araporã (Araraquara-SP); medição de Weber Anselmo Fonseca (Coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara)

Link de acesso: https://youtu.be/l6sALLdbixc

  • 23/05 (domingo)

– 16h: “Museu na rua, corpos livres, memória pública e popular”, com Daniela Amoroso (Dançarina, pesquisadora, Docente da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia, Pós-doutora pela Université Paris 8- Saint Denis, Doutora pelo Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia – UFBA, e Yan Graco Dantas Cafezeiro  (Arquiteto, Mestre em Conservação e Restauro, Doutorando em Arquitetura e Urbanismo pela Ufba, Professor do curso de Arquitetura e Urbanismo do Senai-Cimatec); medição de Weber Anselmo Fonseca (Coordenador de Acervos e Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de Araraquara)

Link de acesso: https://youtu.be/E79o4zfYo9U

Grátis (sem necessidade de inscrição prévia)