Araraquara é destaque na página do Facebook do Pacto de Milão

O município participa do Pacto de Milão desde 2019 com as iniciativas em segurança alimentar

17

Araraquara foi destaque nesta sexta-feira (23) na página do Facebook do Pacto de Milão (Milan Urban Food Policy Pact – https://www.facebook.com/mufpp/). O perfil divulgou um dos três vídeos inscritos no 6º Fórum Mundial – “Milan Talks 2020”, que falam sobre as políticas municipais de segurança alimentar.

O vídeo publicado conta a história do Banco de Alimentos do município e foi produzido pela Secretaria Municipal de Comunicação em parceria com a Coordenadoria de Segurança Alimentar, setor vinculado à Secretaria Municipal do Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Turismo. Além desse, também foi enviado um vídeo que fala sobre o projeto “Colhendo Dignidade” de horta comunitária urbana e um terceiro que fala sobre a garantia de alimentos durante a pandemia.

O Pacto de Milão foi lançado oficialmente durante a Expo Milão 2015 e conta, atualmente, com a participação de 161 cidades de 46 países de quatro continentes. Sua missão é incentivar, fomentar e divulgar práticas sustentáveis ligadas à Segurança Alimentar e Nutricional.

A coordenadora de Segurança Alimentar, Silvani Silva, destaca a importância da participação da cidade na iniciativa. “Nosso trabalho está sendo divulgado para os mais de 160 países que participam do Pacto, é uma troca de experiência muito rica”. Ela enaltece o trabalho de segurança alimentar desenvolvido no município. “Desde 2007 o nosso Banco de Alimentos vem trabalhando para garantir alimentos saudáveis a inúmeras famílias da cidade”.

Para a coordenadora, o prefeito Edinho teve um papel essencial na conquista. “Somos pioneiros em Segurança Alimentar no país, graças às iniciativas do governo Edinho”. Cabe lembrar que o Banco de Alimentos foi idealizado nos primeiros mandatos do atual prefeito (2001-2008), que também assinou o termo de adesão ao Pacto de Milão em solenidade de aniversário do Banco de Alimentos no ano de 2019.

Os três vídeos estão disponíveis no site do Milan Urban Food Policy Pact (http://www.milanurbanfoodpolicypact.org/).