Select Page

Quebra queixo – Guedes suspeito



Guedes suspeito A Polícia Federal abriu inquérito para investigar o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, por supostas fraudes em negócios com fundos de pensão patrocinados por estatais. A investigação decorre de pedido feito em outubro pelo Ministério Público Federal em Brasília, que também abriu procedimento preliminar a respeito, com base em irregularidades apontadas pela […]

Guedes suspeito

A Polícia Federal abriu inquérito para investigar o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, por supostas fraudes em negócios com fundos de pensão patrocinados por estatais. A investigação decorre de pedido feito em outubro pelo Ministério Público Federal em Brasília, que também abriu procedimento preliminar a respeito, com base em irregularidades apontadas pela Previc (Superintendência Nacional de Previdência Complementar).

O caso foi antecipado pela Folha de S.Paulo. A PF vai apurar se Guedes cometeu os crimes de gestão fraudulenta ou temerária ao captar, por meio de um fundo de investimentos, recursos de sete entidades de previdência complementar de empregados de empresas públicas.

Sem indulto

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), reafirmou ontem (30) que não dará indultos em seu mandato.

“Já que indulto é um decreto presidencial, a minha caneta continuará com a mesma quantidade de tinta até o final do mandato”, disse, após participar da formatura de 530 sargentos na EEAR (Escola de Especialistas de Aeronáutica) em Guaratinguetá (190 km de São Paulo) .

O indulto presidencial perdoa a punição de certos crimes. O que foi concedido por Michel Temer (MDB) no ano passado está em discussão no STF (Supremo Trinunal Federal).”Não é apenas a questão de corrupção, qualquer criminoso tem que cumprir sua pena de maneira integral. É isso inclusive que eu acertei com Sergio Moro, indicado para ser ministro da Justiça”, completou.

Queda de avião

Uma aeronave de pequeno porte caiu na tarde desta sexta-feira (30) no bairro da Casa Verde, na zona norte de São Paulo. Segundo informações preliminares do Corpo de Bombeiros, ao menos duas pessoas morreram (os dois pilotos do avião) e outras seis vítimas foram socorridas.

A queda do avião foi numa área residencial, próxima ao aeroporto Campo de Marte, que opera voos comerciais. O avião caiu sobre três casas e três carros, na rua Antonio Nascimento Moura, local próxima à avenida Braz Leme, ligação entre o bairro de Santana e o centro de São Paulo. Houve fogo após o acidente, e dez viaturas dos bombeiros foram no local. O fogo foi controlado, e choveu no momento que os bombeiros estavam trabalhando na região.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos