Selecione a página

Quebra Queixo

Destrava Jair

A Confederação Nacional dos Municípios pediu ao governo federal o destravamento de obras e contratos do programa Minha Casa, Minha Vida. O pedido foi feito pelo presidente da entidade, Glademir Aroldi, ao ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, em debate, ontem (10), em evento da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que reúne prefeitos de todo o país na capital durante esta semana.

“Os prefeitos estão preocupados com o Minha Casa, Minha Vida, pois há muitas obras paralisadas”, disse Aroldi. O presidente da CNM acrescentou que outro problema enfrentado pelos dirigentes municipais é o fato de contratos firmados não estarem sendo assinados.

Isenção do Enem

Três milhões de estudantes já solicitaram a isenção da taxa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), segundo balanço divulgado ontem (10), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O prazo terminava ontem (10) e a taxa de inscrição deste ano é R$ 85,00.

O prazo para pedir a isenção da taxa começou no último dia 1º. De acordo com o Inep, não foi registrada nenhuma intercorrência no sistema ao longo do período.

Podem solicitar a isenção da taxa os estudantes que estão cursando a última série do ensino médio.

Habilitação

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, disse ontem que as mudanças a serem propostas na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vão tornar mais rápida a punição de infrações graves. Segundo ele, o objetivo é aumentar de 20 para 40 pontos o limite para suspender o documento. “Se você observar o que está acontecendo, os órgãos de trânsito não estão tendo capacidade de processar e fazer a suspensão quando se atinge os 20 pontos”, ressaltou, após participar de seminário promovido pelo jornal Valor Econômico.

Segundo Freitas, a maior parte da pontuação distribuída aos motoristas não corresponde a condutas graves. “As infrações, em sua maioria, são bestas, muito leves. Então, no final das contas, é burocracia”, disse.

 

Curtas

 

Semana de Assistência Farmacêutica acontece em maio

A Unesp realiza entre os dias 6 e 10 de maio, com apoio da Prefeitura, a tradicional Semana de Assistência Farmacêutica Estudantil (Safe). A atividade, que acontece anualmente desde 1999 na Praça Santa Cruz, visa oferecer serviços e informações na área da saúde.

O evento gratuito e aberto ao público é organizado pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Unesp e busca aplicar o conhecimento que os alunos recebem em sala de aula, além de transmitir à população conhecimentos básicos de saúde e reafirmar a importância do profissional farmacêutico.

Durante o evento, que integra o calendário de eventos oficiais do Município, a população pode realizar exames de triagem para doenças como diabetes, anemia e hipertensão arterial, entre outras. A Semana de Assistência também traz orientações sobre alimentação, prevenção do câncer, educação sexual e primeiros socorros.

 

Licitação inviabiliza distribuição gratuita de repelentes

Dando continuidade aos trabalhos de combate à dengue, a vereadora Thainara Faria (PT) propôs, por meio de requerimento, que a Prefeitura distribuísse gratuitamente repelentes aos munícipes, sobretudo para a população que reside nos locais com maior incidência da doença transmitida pelo mosquito. De acordo com a parlamentar, a iniciativa é importante, uma vez que muitos munícipes não têm condições de adquirir repelentes.

Em resposta, a secretária da Saúde, Eliana Honain, relata que, devido a quantidade e valores destinados, seria necessário a abertura de licitação e até a finalização do processo, a entrega do produto seria feita nos meses de junho e julho. Nesse período, o índice de infestação é efetivamente muito baixo, o que não torna a ação e o investimento efetivos. Eliana ainda ressalta que a melhor forma de prevenir a picada é impossibilitar o nascimento do mosquito, ou seja, eliminar criadouros.

Para as gestantes, o repelente é distribuído através do Ministério da Saúde, afim de proteger o feto contra o vírus “zica”.

Homenagens merecidas

Um foi comerciante durante 60 anos em Araraquara. Edval Perez atuou no ramo de panificação e fundou uma das revendas de veículos mais tradicionais de Araraquara, a Marta Automóveis. Era fanático torcedor da Ferroviária e apaixonado por Araraquara.

O outro trabalhou na Usina Santa Cruz por muitos anos. Mas Sebastião Silva Teixeira ficou mesmo conhecido pelo trabalho social. Ele, em suas horas de folga, cultivava uma horta comunitária para fazer a distribuição dos produtos àqueles mais necessitados.

São duas personalidades que prestaram relevantes serviços à comunidade, por isso foram homenageadas, e seus nomes foram indicados para duas vias públicas localizadas no Parque Residencial Ipanema.

O projeto foi sancionado pelo prefeito Edinho Silva (PT), na manhã desta quarta-feira (10), na presença de familiares dos homenageados. A indicação é do presidente da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Tenente Santana (MDB).

Últimos Vídeos

Carregando...

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade