Select Page

Na carteirada



O PSL, partido que representa Bolsonaro na cidade, vem sendo disputado com unhas e dentes

Na carteirada

Na carteirada

O PSL, partido que representa Bolsonaro na cidade, vem sendo disputado com unhas e dentes. O embate da semana dava como certo que o partido já estaria nas mãos do grupo formado pelo tenente reformado do Exército Rudi Bauer, o empresário Valdir Massucato e coronel Brito.

A reportagem entrou em contato com o presidente da sigla local, Marcos Custódio, que afirmou que Bauer, por ser militar, achou que poderia tomar posse do partido, contando com a simpatia que o pré-candidato à presidência Bolsonaro tem pelo Exército. Custódio disse ainda que ao invés de querer compor com o partido, Bauer se dirigiu diretamente a executiva estadual para conversar com o deputado federal Major Olímpio e, assim, tentar destituí-lo do cargo. Uma atitude nada louvável.

Porém, de acordo com Custódio, o Major reafirmou que ele seria a pessoa de confiança do deputado em Araraquara. Mesmo diante da tentativa de Bauer de se apossar do partido usando a famosa “carteirada”, Custódio afirma que está aberto ao diálogo.
A patente de Major falou mais alto.

 

Prorrogativa de função

Supremo Tribunal Federal deve retomar na quarta-feira (2) o julgamento sobre a restrição ao foro por prorrogativa de função, conhecido como foro privilegiado, para deputados e senadores.

Até o momento, há maioria de oito votos a favor do entendimento de que os parlamentares só podem responder a um processo na Corte se as infrações penais ocorreram em razão da função e cometidas durante o mandato. Caso contrário, os processos deverão ser remetidos para a primeira instância da Justiça. As informações são da Agência Brasil.

O julgamento começou no dia 31 de maio de 2017 e foi interrompido por dois pedidos de vista dos ministros Alexandre de Moraes e Dias Toffoli, que será o próximo a votar. O relator, Luís Roberto Barroso, votou a favor da restrição ao foro e foi acompanhado pelos ministros Marco Aurélio, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Edson Fachin, Luiz Fux e Celso de Mello. Faltam os votos de Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

Mito

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), pré-candidato a presidente da República, centralizou as atenções na abertura da 25ª Agrishow, em Ribeirão Preto, nessa segunda-feira (30).

Na entrada da principal feira do agronegócio da América Latina, faixas de apoio ao parlamentar foram estendidas às margens da rodovia de acesso. Antes da cerimônia de abertura, Bolsonaro foi o único político recebido com aplausos e gritos de “mito”.

A cerimônia de abertura da 25ª Agrishow teve a presença do ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, além de políticos e lideranças do setor.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos