Selecione a página

Zamboni estranha Edinho

“Estender a jornada de trabalho é um retrocesso, nunca teve alteração na jornada de 6 horas. O prefeito Edinho Silva (PT) desrespeitou o sindicato, impondo uma jornada maior sobre o CRJA, CPS, NGA 3 e outros. Logo no início da gestão Edinho, o sindicato se colocou aberto para negociações, o que infelizmente não está havendo.

Com apenas três meses da gestão Edinho, já estão ocorrendo discórdias entre SISMAR e a Prefeitura


José A C Silva

O presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Araraquara e Região (Sismar), Marcos Zamboni esteve ontem na redação d´O Imparcial, onde fez reclamações sobre oExecutivo.

“Estender a jornada de trabalho é um retrocesso, nunca teve alteração na jornada de 6 horas. O prefeito Edinho Silva (PT) desrespeitou o sindicato, impondo uma jornada
maior sobre o CRJA, CPS, NGA 3 e outros. Logo no início da gestão Edinho, o sindicato se colocou aberto para negociações, o que infelizmente não está havendo.

Não poderia ter mudanças antes do dia 18 março, sem proposta. Edinho vem conversando com vários setores deixando o legítimo representante da categoria, o SISMAR, fracionado. Aumentar a jornada complica ainda mais a vida do servidor, que além de ganhar pouco tem que gastar seu “dinheirinho” com alimentação. Há 10 anos, pelo menos, reivindicamos um refeitório, mas como sempre estamos esperando”, reclamou Zamboni.

Últimos Vídeos

Carregando...

Charge

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade