Select Page

Venda do Estrela ao DAAE é aprovado na Câmara Municipal

Venda do Estrela ao DAAE é aprovado na Câmara Municipal

Com ampla discussão na sessão da Câmara que foi realizada nessa terça-feira (17), projeto colocado na ultima hora, sobre a venda do Clube Estrela ao DAAE, foi aprovado por 11 a 6.

Enquanto o vereador Paulo Landim (PT) explicava o projeto da alienação do Estrela, foi interrompido por Celio Peliciari, presidente do Psol de Araraquara, que foi o único a manifestar-se no plenário, contrário a venda.
O vereador Porsani (PSDB), que também se colocou contrário a venda, juntamente com a bancada do PSDB, disse ao final da votação que entrará com uma ação no Ministério Público, na tentativa de barrar esse projeto.

Já Toninho do Mel (PT), favorável a venda do imóvel, disse que o prefeito sabe o que está fazendo, e que no DAAE falta espaço para as pessoas trabalharem.

O Psdebista Elton Negrini, concordou com Célio, que continuava nas galerias da Câmara, e disse que o governo está traindo a população, colocando esse projeto na calada da noite, pois o DAAE não tem dinheiro para essa compra, não cuida nem mesmo de suas atribuições, “isso é engodo, é estelionato, aqui não é puxadinho da prefeitura. Essa venda vai acertar o orçamento da Prefeitura?” perguntou Negrini.

A vereadora Thainara Faria (PT), ponderou que o DAAE teve a sensibilidade de perceber a necessidade de espaço e que o projeto é um investimento do município. Segundo ela os idosos aprovaram a adequação do novo espaço.

Rafael De angeli (PSDB) disse que é uma nítida manobra contábil da prefeitura, pois há problemas de água em grande parte da cidade na cidade por incapacidade de investimento do DAAE.

Tenente Santana (MDB) afirmou que o grande problema é que os municípios estão em dificuldades, mas não conseguiu terminar sua fala diante dos questionamentos de Peliciari, que assistia a sessão, tendo a mesma sido suspensa por 5 minutos. Voltando da suspensão Tenente diz que para se resolver problemas financeiros é necessário que se venda, e se o DAAE está comprando, é porque tem receita para investir,  e que o espaço continua de uso público, e que se trata mais de uma transferência do que venda.

O líder do governo na Câmara Paulo Landim, pediu para que as discussões cessassem e que seu pedido era regimental e portanto foi seguido, embora vereadores contrários a venda se acharam cercados de seus direitos.

Votaram a favor da venda:

Paulo Landim
Toninho do Mel
Thainara Faria
Tenente Santana
Edio Lopes
Magal Verri
Zé Luiz
Juliana Damus
Lucas Grecco
Pastor Raimundo
Roger Mendes

Votaram contrários a venda

Porsani
Elton Negrini
Rafael De Angeli
Edson Hell
Elias Chediek
Gerson da Farmácia

Advertisement

Últimos Vídeos

Loading...

Arquivos