Selecione a página

PSTU vai reestruturar o partido na cidade

José Ângelo Santilli

Por não ter cumprido o prazo da prestação de contas, o diretório municipal do PSTU de Araraquara consta como inativo desde 2 de maio deste ano no site do Tribunal Superior Eleitoral. O ex-presidente do diretório municipal do PSTU Eraldo Strumielo, passou em concurso público e se mudou para Taubaté. Com a missão de reestruturar o partido na cidade assumiu a presidência Osvaldo Martins dos Santos, que inicialmente solucionar as questões burocráticas, sanar o problema da prestação de contas e formar um novo diretório. Com isso, o PSTU não participa das eleições municipais deste ano em Araraquara. “Participamos de duas eleições seguidas e temos a filosofia de não pegar dinheiro de empresários. Defendemos o financiamento público de campanha”, disse Osvaldo Martins que concedeu entrevista a O Imparcial acompanhado de Walter Miranda.

“O PSTU é um partido revolucionário, que não vê a eleição como principal instrumento de conquista do poder. Vamos organizar um curso de formação política para novos militantes: estudantes, operários e servidores públicos. Nosso partido não atua apenas nas eleições, realizamos reuniões quinzenais, participamos do cotidiano, nas greves e nas lutas pelas melhorias na saúde e educação”, disse Miranda.

O PSTU também defende a desincompatibilização do cargo para prefeitos que disputam à reeleição. “O prefeito que fica no cargo acaba se beneficiando com o uso da máquina; é preciso mudar essa regra eleitoral”, declarou Miranda.

Os dirigentes do PSTU descartaram também apoiar o PSOL nas eleições municipais, cujo candidato a prefeito é José Eduardo de Oliveira, o Vermelho. “Não conhecemos o programa e as propostas do PSOL. Não vemos pessoas, mas propostas. Não houve aproximação com o PSOL. No ano passado chamamos duas vezes o PSOL para formar uma frente de esquerda, mas ninguém compareceu. Queremos construiu uma alternativa de esquerda em Araraquara. O PT não é mais esquerda, prova disso é a coligação com o Maluf em São Paulo”, completou Walter Miranda.

Últimos Vídeos

Carregando...

Publicidade

Publicidade

Arquivos

Publicidade