Select Page

Edio Lopes acompanha a primeira fase da implantação de galerias pluviais no Maria Luiza



De acordo com o vereador, esta é a primeira etapa da obra

Edio Lopes acompanha a primeira fase da implantação de galerias pluviais no Maria Luiza

O vereador Edio Lopes (PT) conferiu, nesta quinta-feira (29), o andamento da primeira fase das obras de implantação da rede de galeria de águas pluviais e reservatório de detenção, no Jardim Maria Luiza. O parlamentar esteve acompanhado do secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, João Bernal.

As obras acontecem nas Avenidas Orlando Schitini e Januário de Freitas Jesus, e foram necessárias devido ao transtorno causado em períodos de chuva por conta da precariedade na drenagem. O local sofria com enchentes e ficava muitas vezes intransitável dependendo do volume da chuva.  Além disso, a nascente do Córrego do Cupim, que fica bem próxima das vias, estava correndo o risco de assoreamento.

De acordo com o vereador, esta é a primeira etapa da obra. “Ainda há no planejamento a construção de uma bacia de contenção na parte inferior do bairro. Estas melhorias são importantes para a população e para a nascente do Córrego do Cupim que, assim como outras do munícipio, deve ser preservada”, disse.

Segundo Bernal, o orçamento da construção, uma parceria entre o Ministério Público e a Prefeitura, estava próximo dos R$ 2 mi, mas foi possível uma economia de aproximadamente R$ 400 mil reais, fechando no valor total de R$ 1.612.251,51. “É uma obra grande e necessária. Se somar em metragem linear, são cerca de 1,5 mil a 2 mil metros de linha de tubo, fora as bocas de lobo”, pontuou.

Iniciada no início de novembro, a previsão é que a obra seja finalizada entre 30 e 40 dias. Já implantação da lagoa de contenção deve começar em dois meses.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Arquivos