Select Page

Reeducandos do sistema semiaberto pintam a E.E. Prof. Victor Lacôrte



Quarenta e oito escolas estaduais receberão seus alunos com uma “cara nova” no início do ano letivo de 2017. Em Araraquara a escola escolhida foi a E.E. Professor Victor Lacôrte, no bairro Quitandinha.
No Estado, o trabalho está sendo realizado por 1.225 reeducandos que cumprem hoje o regime semiaberto e foram selecionados para receber qualificação profissional por meio do Programa Via Rápido Expresso, que oferece aulas práticas em equipamentos públicos.
A ação que é uma parceria entre Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado (SDECTI), a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) e Secretaria de Estado da Educação (SEE), tem como objetivo oferecer cursos de curta duração, na área da construção civil (pintores), para presos do regime de semiliberdade e trabalhadores desempregados. Na primeira etapa serão contemplados 36 municípios paulistas, desde a capital até o extremo oeste do Estado.
Os cursos possuem dois módulos, divididos em 25/horas de aulas teóricas e 75/horas de práticas. Os municípios foram escolhidos de acordo com a demanda de reeducandos na região.
A unidade escolar escolhida em Araraquara para participar do programa foi a ‘Escola Estadual Vitor Lacôrte’. Ela está sendo pintada por 25 reeducandos do Centro de Ressocialização (CR) masculino local.
Na rede estadual, sempre nos meses que antecedem a volta às aulas, a Secretaria da Educação organiza aulas práticas de manutenção e limpeza nos prédios. A previsão é que elas terminem antes do retorno dos alunos.
No ano passado, foram pintadas 42 escolas estaduais em todo o Estado. O sucesso da iniciativa garantiu a sua ampliação em 2017. Para o semestre desse ano, há previsão de novas pinturas em mais 48 unidades escolares.

Últimos Vídeos

Loading...

Charge do Dia

Publicidade

Publicidade

Arquivos